Jundiaí

Solidariedade em meio à pandemia


T_WhatsApp Image 2020-04-16 at 10.11.28
Crédito: Reprodução/Internet
Desde o começou a quarentena uma onda de solidariedade tomou conta da população. O que não faltam são pessoas dedicando seu tempo para arrecadar mantimentos e distribuir para pessoas que precisam. Dilva Gonçalves da Silva Fenille é um exemplo disso. Ela viu no Facebook uma iniciativa e resolveu reproduzir a ação na rua onde mora. Batizado como ‘Quem tem põe, quem não tem tira’, o projeto funciona em um espaço cedido pela amiga Maria das Graças Silva Santos, conhecida como tia Graça. “Nesse espaço montamos uma mesa e as pessoas que desejam doar entram e colocam os mantimentos. Ao mesmo tempo, quem precisa entra e pega o necessário”, explica. Dilva reforça que o único pedido é para que as pessoas sejam coerentes e usem esse momento para aprender a pensar no próximo. “Pedimos que peguem somente o necessário. Assim como você está precisando, outras pessoas também precisam. Não temos ninguém que fica lá direto e por isso contamos com a ajuda dos vizinhos que abrem e fecham a associação. Nosso cuidador é Deus. Esperamos que as pessoas tenham consciência disso”, relata. Outro morador da cidade que também está realizando ações para arrecadar mantimentos é o Leonildo José da Silva, conhecido como Leo do Lava Car. Ele pintou no muro de sua casa uma frase informando que o local seria um ponto de arrecadação de produtos. Além disso, em uma carreata, batem de porta em porta pelas casas da Vila Hortolândia e Região, arrecadando mantimentos. “Após a arrecadação, distribuímos para pessoas que estão precisando ou se encontra em estado de vulnerabilidade social. Alguns chegam até minha casa dizendo que estão sem dinheiro e passando fome. Esse foi o jeito que achei para ajudar essas pessoas, já que ainda tenho condições para isso”, afirma Leo. SERVIÇO Hortolândia: rua Irma Traldi, 497; Tulipas: rua Juquesmil Chaves, esquina com a Néstor Chagas (ao lado do Bazar da Graça)  

Notícias relevantes: