Jundiaí

Trabalhador morre no Geresol (Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos), em Jundiaí


Na tarde desta terça-feira (5) um trabalhador de 76 anos morreu na área de transbordo do Geresol (Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos), em Jundiaí. A vítima era motorista de caminhão e ao sair do veículo, se desequilibrou e acabou caindo de cinco metros de altura. A área foi interditada. O trabalhador, identificado como Daisako Morita, e o caminhão são de uma empresa terceirizada que presta serviço para a unidade de serviços públicos. Policiais militares, civis e peritos da Polícia Científica estiveram no local, que pertence à prefeitura de Jundiaí. A Prefeitura, por meio da UGISP (Unidade de Gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos), informou que a Polícia Técnico-científica está apurando as causas do acidente e que toda a assistência à família do funcionário é prestada pela empresa e pela Prefeitura. A Trail Infraestrutura, responsável pelo trabalhador, informou que lamenta o falecimento do Sr. Daisako Morita, presta toda solidariedade à família e aguardam a apuração das autoridades para esclarecerem o ocorrido. Não é o primeiro acidente no local Outra acidente foi registrado no local há duas semanas. Um caminhão de mais de 20 toneladas despencou da plataforma onde o lixo é descarregado. Na ocasião, o motorista foi socorrido com dores de peito e liberado após o atendimento. O diretor de limpeza pública chegou a declarar que seria feita uma investigação para saber o motivo do acidente. SERVICO DE COLETA SELETIVA DA PREFEITURAGERESOLLIXO DOMESTICOTRANSBORDO

Notícias relevantes: