Acervo

Estação do metrô de SP recebe feira de adoção de cães e gatos neste domingo


dogdogodgo
Crédito: Reprodução/Internet
Quer adotar um cachorro ou um gato e ainda levar o bichinho para casa de metrô? Isso será possível neste domingo (1°), em São Paulo. Serão 50 animais à espera de uma família na estação Consolação, da Linha 2-Verde do Metrô. A ação é parte do evento Pet no Vagão, parceria da Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos com a Purina e apoio do Metrô, da CPTM e da EMTU/SP. Os interessados em aumentar a família passarão por uma entrevista em que devem demonstrar ter condições de cuidar adequadamente de um pet, com responsabilidade e carinho. É necessário apresentar RG, CPF, comprovante de residência (pode ser digital) e fazer uma contribuição de R$ 100, em dinheiro, para ajudar a cobrir parte dos custos de vermifugação, vacinação e castração feitos pela ONG que resgatam os animais. O adotante receberá uma caixa de transporte adequada para levar o pet para casa de metrô. Os participantes também poderão tirar fotos com seus amigões em um cenário que retrata a parte interna de um vagão. Em três feiras já realizadas -nos dias 11, 18 e 25 de agosto-, foram adotados 65 animais. PETS NO METRÔ Desde janeiro é permitido o transporte de animais domésticos de pequeno porte nos trens do Metrô e da CPTM, além dos ônibus intermunicipais e VLT da Baixada Santista gerenciados pela EMTU/SP. Os animais devem pesar no máximo 10 kg, estar acomodados em caixa de transporte de material impermeável próprio para esse tipo de transporte, e serem levados fora dos horários de pico, ou seja: das 4h40 até as 6h; das 10h às 16h e das 19h até meia-noite. O pet só pode ser transportado em horários de pico excepcionalmente, em caso de agendamento de cirurgia, mediante solicitação formal assinada pelo veterinário.  

Notícias relevantes: