Opinião

Caso RDA, dos irmãos Moreira, ainda afeta

Os irmãos Moreira vivem livres e soltos, uma vida de abundância


 Arquivo pessoal
Sérgio Zamana
Crédito: Arquivo pessoal

Continua pendente o caso da RDA dos Irmãos Ronaldo, Dario e Anderson, que corre na Justiça desde 2013.

Pelo que se sabe, cerca de 10 mil famílias ainda esperam uma solução por parte da Justiça para rever o dinheiro que investiram, e hoje, o que se vê, são milhares de famílias desesperadas, pois tudo que tinham poupado a vida inteira, investiram na RDA. Sem contar ainda as centenas de pessoas que venderam suas próprias residências para investir no negócio, que era garantido pelo Ronaldo, e que continuam sem sua casa própria.

Enquanto isso, os irmãos Moreira vivem livres e soltos, uma vida de abundância e regalias. É justo isso? Onde estão os "laranjas" que os mantém?

Há uma ação civil pública movida pelo Ministério Público de São Paulo (MPSP) na Justiça, para agilizar os processos contra a RDA dos irmãos Moreira há vários anos, porém o processo não anda. Sendo que o MP Federal também não conseguiu nenhuma solução na esfera criminal.

Conforme divulgado, há alguns anos, a Polícia Civil fez busca e apreensão nas residências dos indiciados em Jundiaí, levando arquivos computadores, e outros objetos para análise, mas até hoje não se sabe o resultado dessa investigação, e nem onde estão esses documentos. Muito provável levaram também cópias de contratos feitos com os investidores, em que a RDA, dos irmãos Moreira, garantiam os juros, bem como confissões de dívida garantindo a devolução do dinheiro aos investidores, o que também não cumpriram.

Diante do desespero dessas milhares de famílias enganadas pelos Irmãos Moreira, sabe-se que ocorreram diversos suicídios, muitos faleceram, centenas ainda passam por crises nervosas e depressão traumáticas, além de milhares passando por graves dificuldades financeiras, devido ao calote da RDA.

Somente na região, estima-se 5 mil famílias nesta situação, à espera de Justiça. Presume-se haver cerca de R$ 2 bilhões bloqueados judicialmente desde 2013, e ninguém entende porque esse dinheiro não é liberado para essas milhares de famílias desesperadas. Uma incógnita que todos questionam.

Embora existam muitos processos dados como ganhos por juízes, o dinheiro bloqueado pela PF não é liberado para quitar as dívidas que a RDA tem com essas pessoas. Pior que isso, é que ninguém consegue saber por onde anda todo o dinheiro que foi bloqueado, pois tudo está sempre "em segredo de Justiça". Afinal, são mais de nove anos de espera, enquanto milhares de famílias sofrem com a miséria, em depressão e até morrendo em conseqüência. Essas famílias clamam por uma solução que não vem.

O mais estranho é que há comentários que muitas pessoas influentes da região conseguiram ter seu dinheiro de volta, o que é mais grave ainda, pois os mais necessitados ainda continuam sem ver a cor de seu dinheiro.

Acredito que alguma instância superior da Justiça deveria investigar a fundo toda essa situação, pois parece que algo muito suspeito pode estar acontecendo e o povo tem o direito de saber e receber seu dinheiro de volta. Questão de justiça ser feita para todos.

Sérgio Benedito Zamana é administrador de Empresas e assessoria Empresarial


Notícias relevantes: