Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Dom Vicente Costa – Vida Nova

DOM VICENTE COSTA | 21/04/2019 | 07:30

“Se alguém está em Cristo, é uma nova criatura. O que era antigo passou; eis que tudo se fez novo” (2Cor 5,17).
Caríssimos leitores e leitoras: em cada começo de ano renovamos a nossa esperança, e cheios de confiança dizemos centenas de vezes uns para os outros: “Feliz ano novo”. Chorando e sorrindo, nosso rosto fica transfigurado de alegria e fé, ao iniciarmos um novo ano. E foi assim que vivemos e celebramos a passagem de 2018 para 2019. Esperávamos por um ano de renovação e de mudanças que influenciariam diretamente o cotidiano das pessoas. Seguramente, milhões de pessoas estão vivenciando muitas coisas boas em sua vida. Porém, devemos confessar que este ano de 2019 não tem sido fácil!
As fortes chuvas no Rio de Janeiro, as enchentes em São Paulo e em muitas outras cidades ceifaram vidas nos primeiros meses deste ano. A tragédia de Brumadinho nos fez ver a repetição de equívocos e descasos tanto com a natureza como com a vida humana. O massacre em Suzano deixou-nos perplexos e fez-nos perguntar: “que país é este?” As frequentes notícias do aumento de feminícidio, quando homens brutalmente agridem e tiram a vida de mulheres, fazem-nos pensar: “o que está acontecendo com o ser humano?”. E assim, vendo acontecer tantas coisas que ferem a dignidade humana e a beleza da vida, somos, de certa maneira, provados e provocados. Provados a continuarmos firmes e persistentes na esperança; provocados a sermos protagonistas na construção e reconstrução de uma nova página da nossa história.
A indignação tira-nos da zona de conforto e impulsiona a todos para termos atitudes que podem mudar o cenário hostil e desumano em um ambiente mais fraterno e tolerante, onde todos tenham voz, vez e oportunidades iguais. Afinal, o sol e a chuva são para todos. Mas penso que precisamos ter mais do que indignação. Cada pessoa pode dar outros passos, a partir de si mesma, do seu interior e do seu modo de pensar e viver a vida.
É preciso viver cada dia como cada novo dia é, ou seja, como um mistério, mas também, e sobretudo, como um grande milagre. As lutas, desafios, tragédias não podem nos transformar em pessoas desencantadas com a vida. É ruim quando deixamos que a nossa vida se torne um “muro de lamentações”. Os medos, as tristezas e angústias de hoje podem (e devem!) transformar-se em conquistas e vitórias de amanhã. A fé em Deus e a convicção de que cada um, na sua realidade, pode ajudar a melhorar o mundo, tornam a nossa vida uma vida nova. Afinal, é Páscoa! A vida vence a Morte! Cristo Ressuscitou! Em Jesus, somos mais do que vencedores! Sendo assim, renovemos a nossa fé e a nossa esperança na certeza de que o Senhor nos dá, a cada instante, a chance de vivermos umavida nova a cada dia novo.

DOM VICENTE COSTA é bispo diocesano de Jundiaí.

T_T_DOM_VICENTE


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/dom-vicente-costa-vida-nova/
Desenvolvido por CIJUN