Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Driblando dificuldades para mudar

LICIANA ROSSI | 01/08/2020 | 05:00

Dar o primeiro passo para mudar alguma situação exige muita energia e disposição. Querer é poder, mas convenhamos, dá muito trabalho. Mudar o nosso modelo mental e nossos padrões de pensamentos é bem complicado, mas não é impossível e, quando o foco é a saúde, eu diria que é imprescindível.
Mas porque é tão difícil mudar hábitos? Mesmo que seja extremamente necessário e tenha um grande impacto em nossa vida e em nossa saúde, a mudança é um verdadeiro desafio. Sustentar essa mudança envolve muita coragem e determinação.

Segundo os psicólogos, por sermos motivados muitas vezes por emoções negativas, achamos que não vamos conseguir mudar certas situações. A mudança real necessita de um impulsionamento positivo, de razões para que consiga manter a mudança de forma duradoura. Lembrar que somos capazes é importante para não desanimarmos logo no começo.

Outro ponto chave é dar pequenos passos, começar por algum ponto, pois cada ação especifica é uma vitória conquistada para se comemorar, e o conjunto de ações resultará na grande e tão sonhada mudança.

Metas a longo prazo são importantes. Não queira mudar tudo de uma só vez, pois isso costuma não dar certo. Comprometa-se e lembre-se sempre do motivo e da necessidade da sua mudança. Nunca se esqueça disso: os desafios movem o mundo. Não tenha medo de fracassar, sonhe alto e foque na vitória. Siga em frente e faça o precisa ser feito, sem olhar para trás.

Nós somos o que pensamos. A qualidade dos nossos pensamentos dita nosso padrão energético, então pense positivo e mantenha sua energia sempre alta. Algumas técnicas ajudam muito a aumentar a energia, como Meditação, Yoga, Tai Chi, Acupuntura, mesmo a jardinagem e o contato com a natureza. Preocupe-se com seu nível energético, ficará mais fácil manter o bem estar e focar na mudança.

Seja qual for o objetivo da sua mudança, crescer como pessoa, evoluir, ter mais saúde física e emocional, mudar para melhor é sempre bom. Para começar a mudar, siga estes passos, que te ajudarão na organização do processo:

1- Reflita sobre suas reais necessidades;
2- Pense positivo;
3- Drible as dificuldades;
4- Prepare-se e organize-se, faça listas de tudo o que vai precisar;
5- Determinação é chave para o sucesso;
6- Não desanime. Siga em frente focando na vitória;

As dificuldades são uma grande lição na escola da vida. Tudo muda a todo momento e quem não muda junto acaba ficando para trás. As vezes mudar não é uma ideia, mas uma necessidade. Muita saúde a todos.

LICIANA ROSSI é educadora física formada pela ESEF Jundiaí, pós-graduada em treinamento físico pela Unicamp e ginástica corretiva pela FMU-SP; exercícios corretivos pela Academia Nacional de Medicina Esportiva – NASM/USA; CHEK Practitioner nível 2 Califórnia/USA.


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/driblando-dificuldades-para-mudar/
Desenvolvido por CIJUN