Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Eduardo Pereira: Revisões no Plano Diretor e concurso de Urbanismo

EDUARDO CARLOS PEREIRA | 09/02/2019 | 07:30

Em contínuo movimento, com vendas de carros acelerando e ocupando ainda mais as vias da cidade, a revisão do plano diretor foi realizada. O novo plano que aprovado em 2016 fez profundas e boas alterações para regrar o crescimento da cidade e, principalmente, a proteção dos valores ambientais. Essa é a tarefa que o gestor Sinésio Scarabello conduziu e que convoca agora a população para apresentar as alterações nos bairros. O meio de consulta foi através de um site onde poderia entrar e dar sua opinião (https://planodiretor.jundiai.sp.gov.br/). O WhatsApp também seria uma boa ferramenta para que isso ocorresse, teria mais eficiência na captação das opiniões, mais possibilidades de compilação e analise dos dados, gerando maior probabilidade de atendimento das demandas e registro para a posteriori das ideias. Os desafios da UGPUMA- Unidade de Gestão de Planejamento Urbano e Meio Ambiente, foram apresentados em dezenas de artigos e capítulos, e normatiza o uso do solo, a permeabilização, drenagem, sistema de saneamento, mobilidade, zoneamento, sistema viário e o saturamento das vias – algumas essenciais e já insuficientes para atender essa circulação alterada e mais intensa. Após a realização de uma caminhada no Vale do Rio Jundiaí pelo Dia Mundial sem Carro, a UGPUMA teve a iniciativa de lançar o concurso de ideias para qualificação dessa área, o “Concurso de Ideias para o Vale do Rio Jundiaí”. O Instituto de Arquitetos do Brasil – Aglomerado Urbano Jundiaí é o organizador deste concurso.
Sinésio Scarabello diz que: “(…) A requalificação do vale do rio Jundiaí deve (…) definir e organizar os espaços para a implantação do próprio canal.”
Nessa delimitação de área concentra os maiores problemas de circulação, mobilidade e necessárias intervenções.
Demorou! O concurso ainda é o mais eficiente meio de solucionar esses problemas, requalificar toda a área e valorizar os bens históricos. Para se ter uma ideia o último concurso promovido pela prefeitura de Jundiaí e o IAB foi há 30 anos atrás, para o projeto do Paço Municipal. Teve sucesso e um desdobramento que requalificou toda a região; e como consequência foi implantado o jardim botânico, foi feita a interligação do botânico para o parque da cidade e o SESC. Agora, a UGPUMA e o IAB abrem em concurso nacional o desafio para arquitetos e urbanistas resolverem esse intrincado trecho da cidade. Certamente teremos uma nova visão e um novo lugar que, até agora, não foi alterado e trará um benefício urbano e social imenso como demonstrou o êxito com o último concurso. Essas ideias contribuirão para essa revisão do Plano Diretor e para a requalificação da área.

EDUARDO CARLOS PEREIRA é arquiteto e urbanista, autor do livro “Núcleos Coloniais e Construções Rurais”. Foi presidente do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Jundiaí (Compac), de 2008 a 2011, e conselheiro do Compac, de 2014 a 2016. É membro do Icomos – Conselho Internacional de Monumentos e Sítios

Eduardo Carlos Pereira - colunista Jornal de Jundiaí


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/eduardo-pereira-revisoes-no-plano-diretor-e-concurso-de-urbanismo/
Desenvolvido por CIJUN