Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Eginaldo Honorio: “Democracia e hipocrisia”

EGINALDO MARCOS HONORIO | 12/06/2018 | 06:00

“Democracia”, palavra de origem grega: demo = povo e kratos = poder. Hipocrisia tem origem grega e do latim: hypokrisis ou hipocrisis (falsidade, dissimulação). Conjugando essas expressões e comparando-as com a situação brasileira, conclui-se, sem muito esforço, que o regime em que vivemos não se enquadra na primeira classificação, haja vista que, ao que se vislumbra, o regime é bem outro, posto que o povo é o que menos manda ou detém o poder! De outra, a hipocrisia (falsidade) é o que impera e não precisamos ir muito longe para aquilatar esse resultado, bastando, para tanto, as recentes manifestações, na qual um grupo de profissionais deliberou por suspender suas atividades enquanto suas demandas não fossem atendidas.

LEIA OUTRAS COLUNAS DE EGINALDO HONORIO NO JORNAL DE JUNDIAÍ

ONDE ESTÃO OS NEGROS? A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR

PERIFERIA (‘QUEBRADA’)

CLIQUE AQUI E LEIA OUTRAS COLUNAS DE OPINIÃO DOS ARTICULISTAS DO JORNAL DE JUNDIAÍ

De outro lado, boa parte da população, que também seria beneficiada com o resultado do movimento, freneticamente esvaziou todo o projeto, invadindo postos de gasolina e supermercados, sendo que, em sua grande maioria, se dizia apoiar as reivindicações. Aliado a tudo isso, me vem à mente a frase do líder Martin Luther King: “Nossa geração não lamenta tanto os crimes perversos quanto o estarrecedor silêncio dos bondosos”. O que se vê, nessa trilha é a população se dizer em apoio ao movimento, todavia age de modo totalmente contrário. A meu sentir, com um egoísmo sem tamanho! De mesmo modo, o que viso, de há muito, é pessoas de alto nível em sentido amplo se comoverem com os dados estatísticos. Por exemplo, 63 mil homicídios/ano, dos quais um jovem negro é morto a cada 23 minutos. Diante desses números verificamos, com facilidade, manifestações de espanto, surpresa e comoção, todavia sem qualquer medida robusta a evitar a continuidade desses fenômenos. Hipocrisia pura!

Dias atrás, revendo meus arquivos, encontrei um trabalho de faculdade intitulado “Democracia Racial”, com 28 laudas, apresentado, no ano de 1979 ao então professor de Direito Constitucional Dr. José Renato Nalini, no qual apresentei aspectos contemporâneos, que 40 anos após, são atuais, o que confirma o estarrecedor silêncio dos bondosos. O Brasil sabe dos efeitos deletérios da discriminação racial, fica comovido e nada faz! Faço alusão a esse fato para comprovar que, na primeira oportunidade que tive nos primeiros dias da Faculdade de Direito, abordei o tema e o ilustrado professor questionou-me a respeito da solução que daria ao fenômeno, concluindo por atribuir nota 7, que me envaideceu e até hoje envaidece, ressaltando que a solução está no pensar em sentido coletivo e, como já disse outras vezes, “praticar empatia”.

EGINALDO MARCOS HONORIO é advogado e membro do Conselho Municipal da Comunidade Negra de Jundiaí – eginaldo.honorio@gmail.com

eGINALDO


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/eginaldo-honorio-democracia-e-hipocrisia/
Desenvolvido por CIJUN