Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Imunidade e atividade física

LICIANA ROSSI | 15/02/2020 | 05:00

Mal deu uma esfriadinha e já nos preocupamos com nossa imunidade. Ainda mais em tempos de coronavírus, agora batizado de codiv-19, que nem chegou ao Brasil, mas já virou assunto nas mídias e nas rodas das pessoas mais antenadas. Nosso sistema imunológico tem como objetivo reconhecer os organismos invasores, impedir sua disseminação e eliminá-los do corpo. Compreende vários órgãos, incluindo a medula espinhal (que produz as células brancas), baço, timo e sistema linfático.

O exercício físico realizado regularmente melhora a capacidade de resposta do sistema imunológico, com menor incidência de infecções por bactérias e vírus: inúmeros estudos concluíram isso. Além do fato de a atividade física regular possuir um efeito anti-inflamatório, reduzindo até mesmo certos tipos de câncer, como os de mama e de intestino (cólon), além de prevenir a demência e até mesmo tratar a asma e a pressão arterial alterada.

A medicina esportiva estuda como o exercício físico influencia a saúde das pessoas, bem como a falta de exercício e as lesões, avaliando qual atividade é mais segura para cada caso, de acordo com o biotipo e histórico, e fazendo com que o exercício melhore sua saúde. Interessante. não?

Os órgãos públicos e planos de saúde deveriam começar por aqui, ajudando a população: aposto que se gastaria muito menos com a saúde. Mas o fato é que temos estes profissionais pertinho de nós: vale a pena abrir a cabeça e olhar para a prevenção ao invés de só procurar um médico para o tratamento.

Antes também achávamos que as provas extenuantes exigiam mais do organismo, por levá-lo ao limite. Porém, um estudo da Universidade de Bath, no Reino Unido, concluiu que, na verdade, esforços longos e intensos podem auxiliar o sistema imune. Isso porque as células brancas aumentam em até 10 vezes durante o esforço físico, combatendo melhor as infecções. Este seria mais um benéfico do exercício.

Portanto, não importa se você gosta de atividades mais moderadas ou intensas, o importante é se mexer de forma regular para tirar todos os benefícios do exercício para sua saúde.

Mas não se esqueça de fazer uma boa hidratação, cuidar do estresse, se alimentar bem, ter um sono de qualidade, evitar vícios como fumo e álcool em excesso, além de higienizar bem as mãos.
Muita saúde a todos.

LICIANA ROSSI é educadora física formada pela ESEF Jundiaí; pós-graduada em treinamento físico pela Unicamp e ginástica corretiva pela FMU-SP; exercícios corretivos pela Academia Nacional de Medicina Esportiva – NASM/USA; CHEK Practitioner nível 2 Califórnia/USA; Holistic Life Style Coach/CHEK Institute/USA.

Liciana Rossi


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/imunidade-e-atividade-fisica/
Desenvolvido por CIJUN