Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

José Renato Nalini: Você já tem seu Airpod?

JOSÉ RENATO NALINI | 02/06/2019 | 07:30

O fosso que separa a miséria da sofisticação vive de novidades que sublinhem essa diferença. No momento em que todos já têm seus celulares, lembrando que o Brasil de 210 milhões de habitantes tem 265 milhões de mobiles, é preciso mostrar que você é superior à maioria.

A fórmula destes meses é o Airpod, que permite ouvir música sem necessidade daquele fiozinho branco no ouvido. O Airpod é o atual símbolo de ostentação dos millennials. Dentro em breve, aqueles que se utilizam dos fiozinhos vão ter vergonha. Estarão defasados, superados, “out” do mundo privilegiado. Há mesmo quem acredite que já não se fabrique o fone de ouvido com fios.
Por enquanto, poucos os que já usufruem desse lançamento da Apple. Menos de 1% dos usuários das bugigangas eletrônicas. Mas o diferencial lembra a frase recente de Catherine Zeta-Jones: “não vou pedir desculpas por ser rica, bonita e famosa”. É o que os donos de Airpod gostariam de dizer à plebe ignara que ainda é acusticamente prejudicada.

O mercado vive dessa produção de ofertas que tornem obsoletas as anteriores. Isso já aconteceu com os carros. Excelentes invenções deixam de ser linha porque satisfazem o cliente e ele não quer trocar de automóvel. Também acontece com os eletrodomésticos. Se forem muito bons, quem é que trocará geladeira, máquina de lavar, fogão, forno, lavadora e secadora de louças, etc.?

É o que sempre ocorreu no mundo da moda. Roupas de bons tecidos, corte adequado, caem da moda e obrigam substituição. Sob pena de zombaria ou crítica ao utente que não acompanhe os berros fashion.
A coisa é muito séria. Grande parcela de pessoas é aquela sensível ao apelo mercadológico. Exatamente a legião – nem tão numerosa, mas expressiva – de quem pode comprar. É com ela que o mercado conta.

Só que a propaganda atinge a maioria da população que não tem emprego, não tem moradia, não tem o que comer. O que resta a essa juventude que não quer ser excluída do banquete?

Boa parte se mantém iludida pela sociedade que promete atendimento longínquo aos anseios atuais, se ele se mantiver a estudar e a trabalhar. A menor parte percebe que a ilicitude oferece aquilo que o mundo honesto não consegue satisfazer em termos de demanda.

O resultado está nas prisões que crescem, mercê de uma indústria que também aufere consideráveis lucros insistindo e fortalecendo a cultura do encarceramento. Triste Brasil! E você? Já comprou seu Airpod?

JOSÉ RENATO NALINI é Reitor da UNIREGISTRAL, docente da Pós-Graduação da UNINOVE e Presidente da ACADEMIA PAULISTA DE LETRAS, 2019-2020.

NALINI É O MAIS NOVO PRESIDENTE DA APL: O acadêmico José Renato Nalini foi eleito presidente da Academia Paulista de Letras (APL) para o biênio 2019/2020. A posse da nova diretoria foi realizada na última quinta-feira com a presença autoridades e demais acadêmicos. Ainda formam a diretoria: Gabriel Chalita (secretário-geral), Antonio Penteado Mendonça (1º secretário), Raul Cutait (2º secretário), Márcio Scavone (1º tesoureiro), José Gregori (2º tesoureiro), Dom Fernando Antonio Figueiredo (diretor da Comissão de Contas), José de Souza Martins (diretor da Comissão de Bibliografia), José Fernando de Mafra Carbonieri (diretor da Comissão de Lexicografia), Roberto Duailibi (diretor da Comissão de Divulgações), Ives Gandra da Silva Martins (diretor da Comissão de Publicações), Anna Maria Martins (diretora da Comissão de Incentivo à Leitura), Renata Pallottini (diretora da Comissão de Relações Artístico-Culturais) e Celso Lafer (diretor da Comissão de Relações Internacionais).


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/jose-renato-nalini-voce-ja-tem-seu-airpod/
Desenvolvido por CIJUN