Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Kelsang Chime: Como entender a mente

KELSANG CHIME | 08/06/2018 | 21:07

O que é a nossa mente? Dizemos frequentemente “minha mente, minha mente”, mas e se alguém nos perguntasse o que é sua mente? Não teríamos uma resposta correta. A razão para isso é que não temos uma compreensão correta sobre a natureza da mente e como ela atua, ou seja, sua função.

Podemos pensar que mente é pensamento e a consciência um “continuum” sem forma. Não é cérebro, pois o cérebro é uma parte do corpo e pode ser fotografado e operado. Já a mente é uma entidade diferente do corpo.

Podemos constatar essa verdade pensando que o corpo está num lugar e a mente pode estar em outro bem distante. A natureza da nossa mente, de acordo com os Budas, é clareza, como um céu sem nuvens, e ela atua, ou seja, sua função é perceber ou compreender objetos.

Quando dizemos “eu vejo isso e aquilo”, isso acontece porque percebemos objetos com nossa mente. Sem a mente não temos poder de compreender nem perceber as coisas. Além disso, uma das principais funções da mente é imputar, ou seja, designar coisas. Sem nome, as coisas não podem existir. Um nome é imputado pela mente, ao pensar “isto é isto”.

MONJA KELSANG CHIMEARTICULISTACOLUNISTAA mente é classificada em três níveis diferentes. O primeiro é a mente densa. É aquela que estamos usando agora, acordados ou com percepções sensoriais e percepção mental. É relativamente fácil de ser reconhecida. Sem percepções não podemos nos comunicar com os outros e não podemos executar nossas atividades diárias. Hoje, nossa mente não está como um céu sem nuvens, às vezes está mais para um céu nublado, mas por mais que as nuvens bloqueiem o céu é certo que ele continua sendo azul e límpido acima das nuvens.

Essas “nuvens” são nossas aflições mentais. Quanto mais aflições mentais, mais difícil será ter percepções claras. Ainda temos a mente sutil. É aquela que funciona enquanto dormimos e sonhamos. E há a mente muito sutil – aquela que viaja para outra vida. Quanto mais aprendemos sobre nossos estados mentais mais poderemos controlá-los e tirá-los de aflições e sofrimentos.

KELSANG CHIME é monja budista. E-mail: kelsang.chime.br@gmail.com


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/kelsang-chime-como-entender-a-mente/
Desenvolvido por CIJUN