Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Liciana Rossi: Alongar ou aquecer antes dos treinos?

LICIANA ROSSI | 15/06/2019 | 07:30

Assim que o friozinho chega, sinto a dificuldade das pessoas em se preparar para suas atividades, sejam elas aeróbicas ou de força. Muitos ainda não sabem como fazer uma preparação eficiente pré-exercícios, e não sabem qual a diferença entre alongamento e aquecimento, e fazem seu “aquecimento” com “alongamentos”.

Há décadas atrás, o alongamentos estáticos, aqueles que alongavam os músculos isoladamente e mantidos por volta de 30 segundos, eram feitos antes do treino. Mas pesquisas mostraram que esta não é a melhor forma de se preparar para o movimento. Os nossos músculos são como elásticos, se estirados sem serem mobilizados, podem “arrebentar”. Os alongamentos estáticos são ótimos para aumentar a flexibilidade, mas se o seu objetivo é uma corrida ou treino de força, seria mais apropriado aquecer “estes elásticos” antes de movimentá-los, para que eles não arrebentem. Nestas épocas mais frias, aquecer o corpo é primordial para que seu treino lhe traga saúde e não haja lesões.

Estudos mostram que não existem benefícios de alongarmos antes dos exercícios. Também não nos ajudam nas prevenções de lesões, além de diminuir o potencial de ganho de força muscular e performance esportiva.

O aquecimento é uma parte essencial de qualquer sessão de treinamento. Ele aumenta nossa temperatura e prepara nossos corações, pulmões, músculos e articulações para o movimento. Sabe como isso acontece? Quando começamos a fazer movimentos que visam mobilizar articulações em grandes amplitudes de movimento e progressivamente partimos para movimentos mais rápidos, nossos músculos começam a contrair e relaxar melhor (processo de contração muscular) e com mais facilidade, diminuindo o risco de estiramento das fibras musculares, o que poderia ser a origem da causa uma lesão muscular. O aumento da temperatura corporal melhora a elasticidade muscular, melhorando ainda a resistência e a força dos músculos. Com o aumento da temperatura corporal, o sangue flui com mais facilidade entre vasos e veias, que são dilatados para que o coração tenha mais facilidade e velocidade para mandar sangue (oxigênio) para os tecidos.

Cada articulação é ativada para que tenha seu potencial máximo de movimento. Além disso há a produção de vários hormônios que irão regular a produção de energia e alguns ainda nos darão sensações maravilhosas de bem estar, como a endorfina, liberada alguns minutos após o início da atividade.

O aquecimento também prepara nossa mente para a atividade, aumentando o foco e a concentração, decisivos para uma eventual queda, no caso de uma atividade como bike ou corrida, ou uma lesão no treino com pesos.

Alguns benefícios do aquecimento são: preparação para o movimento através de movimentos dinâmicos, aumento da circulação sanguínea, aumento da temperatura, da amplitude dos movimentos articulares, da contração/relaxamento dos músculos, diminuição dos riscos de lesões, movimentos serão feitos numa melhor forma e com mais coordenação, através do aumento do foco pela ativação do Sistema Nervoso Central antes da parte principal do treino.

Podemos aquecer de cinco a dez minutinhos, tempo tão curto, mas decisivo para que sua sessão de treino seja muito produtiva. Bons treinos e muita saúde a todos.

LICIANA ROSSI é educadora física formada pela ESEF Jundiaí; pós-graduada em treinamento físico pela Unicamp e ginástica corretiva pela FMU-SP; exercícios corretivos pela Academia Nacional de Medicina Esportiva – NASM/USA; CHEK Practitioner nível 2 Califórnia/USA; Holistic Life Style Coach/CHEK Institute/USA


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/liciana-rossi-alongar-ou-aquecer-antes-dos-treinos/
Desenvolvido por CIJUN