Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Liciana Rossi: Trocar a cadeira pela bola?

LICIANA ROSSI | 24/11/2018 | 07:30

Nós passamos muito tempo sentados ao longo do dia, não é? Seja no trabalho, no computador, no carro ou na frente da TV. E ficar sentado por longos períodos pode fazer mal a nossa saúde, principalmente para nossa coluna. Se você sedentário, não possui boa força ou flexibilidade muscular corre ainda mais riscos. A imobilidade por longas horas acaba encurtando músculos, gerando dores musculares e articulares, comprometendo a postura e a circulação.
A bola de exercício usada nas academias e clínicas de fisioterapia, conhecida como bola suíça, vem sendo muito utilizada em reabilitações e no treinamento físico. Eu mesmo acho uma excelente ferramenta para o treino abdominal. Agora, utiliza-la como cadeira, é fantástico.
Há uns dez anos meu marido foi para a China a trabalho e em suas fotos, uma me chamou muito a atenção. Ele estava numa enorme fábrica, era escritório gigantesco, do tamanho de meio campo de futebol, cheio de mesas de trabalho, e na foto, algumas pessoas estavam sentadas em pontinhos coloridos. Eram bolas. Há anos os chineses as usam como forma de prevenir dores e como ferramenta para ficar mais tempo trabalhando, com mais qualidade postural.
Em 2010 eu fui pela primeira vez estudar na Califórnia, no Chek Institute, foi a primeira vez que tive contato com a bola suíça utilizada como cadeira. Desde então nunca mais a abandonei. As vezes chego a ficar de 6 a 8 horas seguidas estudando, e se for na bola, não me sinto cansada. Se for na cadeira, levanto travada. Quem já passou comigo e reclamou de dor nas costas provavelmente já recebeu esta indicação.
Os benefícios de sentar na bola começam por sua instabilidade, que exigem que os músculos do Core (abdominais, assoalho pélvico, eretores da coluna, diafragma, multífidos, dentre outros) fiquem ativos e protejam sua coluna, enquanto permanecerem sentados, melhorando a postura, equilíbrio e estabilidade. Já na cadeira, acabamos relaxando os músculos, buscando posturas fáceis para o corpo, que se adapta, já que não corremos o risco de cair.
Outro importantíssimo benefício de sentar na bola suíça é a melhora circulatória. A instabilidade da bola exige uma movimentação constante do corpo e estes movimentos acabam mantendo um bom fluxo sanguíneo para o corpo todo. Principalmente para a região pélvica, pois o “bumbum” está em contato com a bola, e acaba recebendo diretamente esta movimentação vertical que a instabilidade e a maciez da bola oferece, melhorando toda circulação de órgãos sexuais, intestinos e vísceras, melhorando desde constipação intestinal a disfunções eréteis. Melhora também toda lubrificação articular pois estimula o sistema linfático.
Pelo lado energético, o contato com o primeiro Chakra, o Chakra raiz ou básico, sendo constantemente estimulado, permite conexão com todos os outros centros de energia.
Nosso corpo foi feito para se movimentar, movimento é vida. Combata a inatividade da maneira como puder e verá sua energia aumentar e seu corpo agradecer dando-lhe saúde e bem-estar geral. Permitam-se conhecer o novo, tentem utilizar uma bola como cadeira. É uma maneira divertida e barata de buscar a boa postura. Desejo muita saúde a todos vocês.

LICIANA ROSSI é educadora física formada pela Esef Jundiaí; pós-graduada em treinamento físico pela Unicamp e ginástica corretiva pela FMU-SP; exercícios corretivos pela Academia Nacional de Medicina Esportiva – NASM/USA; CHEK Practitioner nível 2 Califórnia/USA; Holistic Life Style Coach/CHEK Institute/USA[/RODAPE_OPINI]

COLUNISTA LICIANA ROSSI


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/liciana-rossi-trocar-a-cadeira-pela-bola/
Desenvolvido por CIJUN