Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Messias Mercadante: A instabilidade na economia

MESSIAS MERCADANTE DE CASTRO | 24/04/2019 | 07:30

Uma questão fundamental para as pessoas, organizações e para um país, é a de preservar as conquistas realizadas. Qualquer retrocesso gera desconfortos, frustrações e, no caso nacional, perdas e prejuízos sociais.
É triste ver a nossa irmã Argentina, com uma inflação anual próxima de 60%, com trinta e dois por cento da população vivendo na pobreza, com déficits externos e quase sem reservas cambiais, além de uma política de congelamentos de preços de cerca de sessenta produtos até as eleições de outubro próximo. Nesse ambiente de total insegurança, convivem os argentinos.
Os fundamentos da economia brasileira estão bem estruturados quanto às políticas monetária e cambial, porém desestruturado do ponto de vista fiscal que vem travando a economia e produzindo riscos ao crescimento econômico, ao emprego e a estabilidade social.
O grande capital político do governo de Jair Bolsonaro estava centrado na confiança de empresários e consumidores. Essa conquista já começa a ser abalada pela fraqueza da atividade econômica e todas as suas conseqüências.
Felizmente, ainda temos variáveis estruturais positivas, como a inflação abaixo de 4% ao ano; juros básicos da economia – taxa-Selic de 6,5% ao ano. Saldo favorável na Balança Comercial de aproximadamente US$ 60,0 bi ao ano; entrada de poupança externa sob a forma de IDE – Investimentos Diretos dos Estrangeiros de US$ 70,0 bi e reservas internacionais de US$ 380,0 bi.
A Reforma da Previdência Social, entretanto, passa por dificuldades de aprovação no Congresso Nacional e, nos próximos noventa dias, não se espera uma solução necessária e imprescindível, para possibilitar à equipe econômica, implementar à Reforma Fiscal e avançar na Reforma Trabalhista, além de promover maior abertura ao comércio exterior da economia brasileira.
O crescimento da economia está prejudicado, as projeções indicam um percentual pífio de apenas 1,3% e perspectivas de aumento do desemprego e o fechamento de empresas.
Ainda é possível reverter essa trajetória. É preciso criatividade e ações.

MESSIAS MERCADANTE DE CASTRO é professor da UNIANCHIETA e autor do livro “O Gerenciamento da Vida Pessoal, Profissional e Empresarial” – Ed. M. Books – SP e Gestor de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de Jundiaí. Email: messiasmercadante@terra.com.br

 

MESSIAS MERCADANTE


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/messias-mercadante-a-instabilidade-na-economia/
Desenvolvido por CIJUN