Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Messias Mercadante: Um futuro promissor

MESSIAS MERCADANTE DE CASTRO | 27/03/2019 | 07:30

Em meio a turbulência persistente no Brasil, forçadas pelas circunstâncias, as pessoas correm obstinadamente para vencer os obstáculos impostos pelo País, que nos lega, como consequência, ambientes inóspitos para os negócios e para a oferta de empregos.
Diante dessa realidade, grande parte da sociedade convive com o sentimento de desesperança e, até mesmo, de incompetência para tentar superar as adversidades.
É preciso, todavia, acreditar e ter esperanças de dias melhores e de um futuro que pode ser promissor.
Que este outono, de tempo calmo, de céu azul e de um vento leve que foca a alma das pessoas, seja o ambiente em que se materializará uma grande reversão das expectativas que conduzirá a economia brasileira à modernidade do mundo desenvolvido e à volta de um desenvolvimento econômico sustentável.
É preciso, entretanto, um sentimento superior por parte do Congresso Nacional, que supere as vaidades e orgulhos, além de interesses políticos e partidários, de forma que, ainda, neste outono, tenhamos aprovada a Reforma da Previdência Social, pois a partir dela, as portas se abrirão para mudanças estruturais de maior importância para a atividade econômica e a geração de emprego no Brasil.
A competente equipe econômica do governo implementará uma total desburocratização tributária, com redução de impostos e contribuições, que impulsionarão os negócios e, com eles, os investimentos internos e internacionais no país. Em seus planos desaparecerão muitos impostos, como ICMS, IPI, ISS, CSSLL, PIS, COFINS e a CIDE sobre combustíveis. Em substituição, serão criados dois impostos sobre o valor adicionado – IVAs, um federal e outro estadual.
Objetiva, a equipe econômica, implementar um pacto federativo, que deverá ampliar a fatia das receitas tributárias transferidas para os Municípios e Estados. Tal medida aliviará os estrangulamentos em seus orçamentos e poderá resgatar suas capacidades de investimentos.
Por fim, como podemos entender, a ponte que nos permitirá a travessia para um desenvolvimento sustentável, estará constituída a partir da Reforma da Previdência Social.

MESSIAS MERCADANTE DE CASTRO é professor da UNIANCHIETA e autor do livro “O Gerenciamento da Vida Pessoal, Profissional e Empresarial” – Ed. M. Books – SP e Gestor de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de Jundiaí. E-mail: messiasmercadante@terra.com.br

MESSIAS MERCADANTE


Link original: https://www.jj.com.br/opiniao/messias-mercadante-um-futuro-promissor/
Desenvolvido por CIJUN