Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Decreto da Prefeitura modifica programa ambiental; confira outros destaques da política

PAULO BERH FERRO - pferro@jj.com.br | 09/03/2018 | 04:26

A coluna Pela Ordem é o espaço do Jornal de Jundiaí dedicado aos bastidores da política, tanto de Jundiaí e da Região como do Brasil. A coluna é publicada de segunda a sábado na página de política na versão impressa do Jornal de Jundiaí e no JJ.com.br. Confira os destaques desta sexta-feira (9).

DECRETO MODIFICA PROGRAMA AMBIENTAL: Em decreto divulgado na Imprensa Oficial desta quarta (7), o prefeito Luiz Fernando Machado altera o Programa “Nascentes JundiaÍ” para implantar ações de conservação, restauração, recuperação e proteção dos mananciais da cidade e o incremento de serviços ambientais relacionados. As ações serão feitas após mapeamento e diagnóstico das propriedades rurais, que deverão se adequar à normas.

MUTIRÃO DE CASTRAÇÃO É REJEITADO EM VÁRZEA PAULISTA: Os vereadores da Câmara de Várzea Paulista rejeitaram, na sessão ordinária da última terça (6), o projeto de lei (PL) nº 01/2018. De autoria de Weslen Gomes Campos (Pode), a proposta pretendia instituir, no município, uma Semana do Mutirão da Castração. O projeto foi rejeitado com seis votos contrários e quatro favoráveis.

NORMA SOBRE CONTA DE ÁGUA É APROVADA: Os vereadores da Câmara de Louveira aprovaram, na sessão de terça (6), um projeto que regulamenta a cobrança de juros, correção monetária e multa no preço da água e esgoto em atraso. A proposta causou confusão, mas o vereador Caetano (PTB) informou que não se trata de reajuste. “O pagamento atrasado só poderia ser feito na prefeitura. Agora, pode-se pagar nos bancos e os juros serão cobrados na próxima fatura”.

PRORROGAÇÃO DE CEI SERIA JOGO POLÍTICO: Os vereadores de Louveira contrários à prorrogação da CEI das creches, que investiga irregularidades na terceirização das instituições de ensino, justificaram sua posição alegando que a comissão de inquérito teve tempo suficiente e que o adiamento seria um “jogo político”. “Se em 180 dias nada foi feito, não é agora que será. De alguma forma isso está sendo usado politicamente”, disse Laércio Neris (PTB).

JARINU INSTITUI MULTA PARA RUÍDOS: Foi aprovado na sessão ordinária da Câmara de Jarinu, na última terça (6), o projeto de lei 2/2018, do vereador Edison Bêgo (DEM), que altera a lei 2.032, a “Lei do Silêncio”, para prever multa de R$ 1 mil ao infrator que desrespeitar os limites da emissão de sons e ruídos. Na justificativa do projeto, o parlamentar afirma que a proposta dará mais qualidade de vida ao morador da cidade e vai controlar a poluição sonora.

REVISADO O DECRETO DO CANIL DA GMJ: A Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ) teve seu Decreto do Canil regulado pelo prefeito Luiz Fernando Machado (PSDB). Segundo comunicado divulgado na Imprensa Oficial desta quarta (7), a mudança pretende regulamentar o trabalho do tratador de cães, a permuta e a doação dos animais, além de dar providências sobre o custeio no caso de sepultamento ou cremação dos “servidores de quatro patas”.


Link original: https://www.jj.com.br/pela-ordem/decreto-da-prefeitura-modifica-programa-ambiental-confira-outros-destaques-da-politica/
Desenvolvido por CIJUN