Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

‘Feira da Madrugada’ pode ser multada; confira os destaques do Pela Ordem

BÁRBARA NÓBREGA MANGIERI | 05/06/2018 | 07:22

Os vereadores discutirão, na sessão ordinária de hoje da Câmara de Jundiaí, um projeto de lei (PL) que prevê multa de 600 Unidades Fiscais do Município (UFMs) para feiras e eventos comerciais temporários sem autorização da prefeitura que funcionarem após as 22h, ou seja, as “feiras da madrugada”. O valor equivale a R$ 96,3 mil e, em caso de reincidência, a multa dobra e pode chegar a R$ 192,7 mil.

VEREADORES OUVEM RECLAMAÇÃO

Na justificativa do projeto de lei, é relatado que os vereadores vêm recebendo diversas reclamações de feiras irregulares durante a madrugada em Jundiaí, similares às que acontecem na região do Brás, em São Paulo. “Essas feiras vêm causando grandes transtornos e vendendo produtos de origem duvidosa”, afirma o texto.

BOCALON COMEMORA PESQUISA DE MÁRCIO FRANÇA

O secretário-adjunto de Ciência e Tecnologia e ex-prefeito de Itupeva, Ricardo Bocalon (PSB) avaliou ontem a nova pesquisa para eleição como positiva a Márcio França. “A atitude de coragem e a capacidade de diálogo do governador foi importante para esse resultado. Ele mostrou sua cara ao eleitor e conversou com todas as vertentes dos caminhoneiros que protestavam. Ele é uma pessoa extremamente sensível às causas sociais”.

PROPOSTAS DE BAIXO IMPACTO PREDOMINAM

O PL 12.350, de Dika Xique-Xique (PR), inclui o Dia do Pau Brasil (3 de maio) no calendário municipal da cidade. A data é comemorada desde dezembro de 1978 com a Lei Federal 6.607. Já o PL 12.516, do vereador pastor Roberto Conde (PRB), prevê divulgação das vagas de emprego oferecidas no Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) pela Prefeitura de Jundiaí, o que já é feito pela administração em tempo real.

‘TALCKIMIN’ QUER DIÁLOGO COM JOVEM

Em busca de diálogo com o eleitor jovem, o pré-candidato à presidência da República, Geraldo Alckmin (PSDB), lançou o aplicativo “Talckmin”, que contém sua agenda e informações de suas propostas. O app também possui um programa de ‘medalhas’ para quem ajudá-lo em sua pré-campanha; entre as recompensas estão encontros presenciais com Alckmin.


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/pela-ordem/feira-da-madrugada-pode-ser-multada-confira-os-destaques-do-pela-ordem/
Desenvolvido por CIJUN