Polícia

Ladrão de 'saidinha', com 29 anos de 'cana', furta comerciante e é preso em Jundiaí


Divulgação
Ladrão de saidinha
Crédito: Divulgação

Um comerciante teve o carro furtado na noite desta sexta-feira (8), no bairro Vianelo, em Jundiaí, em frente ao seu estabelecimento comercial, por um ladrão que, com 29 anos de pena para cumprir, havia sido beneficiado pelo indulto de Natal, popularmente conhecida como ‘saidinha’. Ele foi preso por guardas municipais do Apoio Tático no Jardim São Camilo, pouco depois de abandonar o veículo no Jardim da Fonte.

A vítima havia saído do comércio para levar a esposa pra casa e, ao retornar, saiu do carro para abrir o portão da garagem. Nesse momento, o criminoso se aproveitou da porta aberta, chave no contato e carro ligado, para furtar o veículo. Desesperado, o comerciante acionou a Guarda Municipal e informou os dados da placa.

Com o cadastro no OCR, de leitura de caracteres, o Centro de Operações Táticas (COT) conseguiu detectar que o carro estava circulando nas imediações do Jardim Tarumã, Jundiaí Mirim e São Camilo. Viaturas em patrulhamento foram avisadas e passaram a fazer uma ronda na área, sendo que uma guarnição localizou o veículo abandonado no Jardim da Fonte, próximo a duas escadarias que dão acesso ao São Camilo.

A tática do Apoio Tático, então, entrou em ação. Com outra equipe da divisão, que já patrulhava pelo São Camilo, foi realizado um cerco na área das escadarias, já que a suspeita era de que bandido havia acabado de abandonar o automóvel. E a tático deu ‘bingo’! Quando o ladrão estava em uma das extremidades do escadão, se deparou com uma equipe e correu no sentido contrario, dando de frente com outro grupo de GMs. Ele foi detido com o celular da vítima.

No Plantão Policial, onde o aparelho e o carro foram devolvidos à vítima, constatou-se que ele estava de saidinha e deveria ter retornado ao sistema prisional no último dia 5. Preso, teve que voltar, à força, e ainda com mais um indiciamento, por furto.

Participaram da ocorrência as equipes De Paula, Francischini, Edmundo e Tártari; Jean Pierre e Robson, e inspetor Cássio e GM Fernandes.


Notícias relevantes: