Polícia

Homem é indiciado por agredir esposa


DIVULGAÇÃO
Homem agrediu companheira, mas ela retrucou com uma mordida
Crédito: DIVULGAÇÃO

O proprietário de um imóvel acionou a Polícia Militar ao ouvir uma briga do casal que aluga sua casa. A mulher de 37 anos chegou a morder as partes íntimas do marido para se defender das agressões, antes da chegada da PM, na noite de quinta-feira (14), no bairro Santa Gertrudes, em Jundiaí. A vítima solicitou medida protetiva de urgência.

A mulher chegou em casa por volta das 16h e o companheiro começou a agredí-la verbalmente, até que partiu para a agressão física, dando um "mata-leão". Com o corpo encurvado pelo golpe, ela retrucou a agressão mordendo as partes íntimas dele. Foi então que o dono da casa ouviu os gritos e chamou a PM.

Devido às investidas do agressor, ela requisitou medidas protetivas e também manifestou desejo em processá-lo. Ele responderá em liberdade por não ter sido flagrante.

Outros casos

Entre domingo e quarta-feira todos os dias foram registrados casos de violência doméstica em Jundiaí. Duas vítimas solicitaram medida protetiva de urgência e em um dos casos, o companheiro foi indiciado em flagrante pelo crime.

Na madrugada de quarta-feira (13), uma mulher de 46 anos acionou a PM alegando ter sido agredida pelo namorado. Na noite anterior, outra mulher, também na faixa dos 40 anos precisou pedir ajuda. Ela acionou a Guarda Municipal após ter sido agredida companheiro. Já no domingo (10), um mecânico de 45 anos foi preso em flagrante pelo mesmo crime, já que os policiais militares presenciaram as marcas de agressão no corpo tanto do indiciado quanto de sua companheira, que foi quem acionou a PM.


Notícias relevantes: