Polícia

Mulher é sequestrada, mas PM a resgata antes de ser estuprada

Ela estava sendo mantida em cárcere privado, em Itatiba. O indiciado a ameaçou de morte e alegou que a estupraria


DIVULGAÇÃO
A vítima conseguiu mandar a localização de onde estava para o namorado, que chamou a Polícia Militar
Crédito: DIVULGAÇÃO

A Polícia Militar resgatou uma mulher que estava sendo mantida em cárcere privado, na noite de quarta-feira (10), em Itatiba. Ela enviou a localização para seu namorado, pedindo socorro, e ele contatou a PM, que conseguiu salvá-la antes de ser estuprada pelo criminoso. O homem foi preso em flagrante e responderá por cárcere privado, sequestro e ameaça.

A jovem de 22 anos é de Campinas e amiga da ex-mulher do indiciado, um homem de 34 anos, que trabalha como jardineiro. Ele se apresentou como agente de trabalho e marcou um encontro com ela para falar sobre oportunidade de emprego.

Ao chegar à suposta reunião, a vítima foi informada de que o autor mentira. O intuito dele na verdade era chegar à sua ex-mulher. Ele a levou para sua residência no bairro San Francisco, em Itatiba, e, alegando estar armado, a ameaçou de morte e alegou que a estupraria.

Em determinado momento ela conseguiu pegar o celular e mandou a localização para o namorado, com um pedido de socorro. Foi ele quem contatou a polícia.

De acordo com o relato dos policiais militares, tão logo avistou a viatura a mulher se desvencilhou do agressor e correu em direção aos policiais pedindo ajuda. O acusado foi atrás dela e acabou preso pelos PMs cabo Belisário e soldado J.Borges (viatura 40209), e pelo 1º sargento Cabarros e soldados Peclat e Pessoa, do Comando de Grupo Patrulha (CGP II), todos do 49º Batalhão de Polícia Militar do Interior.

Na delegacia foi ratificada a prisão em flagrante e ele foi indiciado pelos três crimes.


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: