Polícia

Divisão Florestal da GM resgata filhote de veado atropelado, em Jundiaí

Típica do cerrado, essa espécie de veado não é encontrada no Estado de São Paulo, tendo sido vista no interior do estado pela última vez há 13 anos


DIVULGAÇÃO
Divisão Florestal resgata filhote de veado que foi atropelado
Crédito: DIVULGAÇÃO

Um filhote de veado da espécie campeiro foi resgatado pela Divisão Florestal da Guarda Municipal de Jundiaí, na manhã desta quarta-feira (28), no bairro Paiol Velho. Ele havia sido atropelado. Típica do cerrado, essa espécie de veado não é encontrada no Estado de São Paulo, tendo sido vista no interior do estado pela última vez há 13 anos.

O animal, que estava ferido, foi visto por uma morador na avenida Paulo Ferraz do Reis. O bairro faz parte do território de gestão da Serra do Japi.

Uma equipe da Florestal da GMJ que patrulhava as proximidades foi avisada e resgatou o animal. Ele tinha sinais de atropelamento.

O filhote foi encaminhado pelos guardas Tavares e subinspetor Jair José para a Associação Mata Ciliar, onde receberá os cuidados necessários.

Segundo a Mata Ciliar, assim que o animal estiver em boas condições físicas, será colocado de volta ao seu habitat natural.

Ainda segundo a associação, a espécie campeiro é encontrada em regiões do Cerrado e Sul do Brasil. A última vez em que foi visto no estado de São Paulo foi em 1998, na Estação Ecológica de Santa Bárbara.

Credito: DIVULGAÇÃO / Descrição: Divisão Florestal resgata filhote de veado que foi atropelado


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: