Polícia

Denúncia de crianças na rua termina com final feliz no Santa Gertrudes


Uma averiguação de denúncia de crianças pequenas andando sozinhas em uma rua no bairro Santa Gertrudes teve um final feliz, na manhã desta sexta-feira (7). Os GMs constataram que as crianças não estavam abandonadas, mas precisavam urgente de doações de roupas e cobertores. Em uma arrecadação "à jato", os agentes conseguiram levar tudo o que faltava para o outono e inverno.

Os guardas Samuel e Costa Júnior foram destacados para atender a ocorrência, mas ao chegar lá perceberam que não se tratava de abandono. “Eram cinco crianças e duas mães que nitidamente não tinham blusas e cobertas para elas. Chegaram há pouco tempo da Bahia e vieram despreparadas. Não podíamos encerrar a ocorrência e ir embora”, conta o GM Samuel. “Como o portão da residência estava aberto, as crianças, duas de seis anos, um de três e um de quatro anos, ficaram brincando na calçada”, explica.

Com o apoio e ajuda de moradores de um condomínio no bairro Engordadouro e de uma lojista na Vila Hortolândia, os guardas voltaram com o carro repleto de doações.

As mães, Geisiane Ribeiro, 21 anos, e Alessandra Santos, 23, agradeceram a ajuda. “Viemos do interior da Bahia. Nossos maridos estão a procura de trabalho. Agradecemos muito pela ajuda”, destaca Alessandra.

Além das roupas doadas, a Unidade de Gestão de Segurança doou algumas caixas de bombons para as crianças.


Notícias relevantes: