Polícia

Morador de Itupeva é assassinado com tiro no pescoço

A vítima estava desaparecida desde o dia anterior. Seu carro foi localizado nas proximidades com dinheiro dentro


Tânia Rêgo/Agência Brasil
Uma testemunha viu o pintor caído em uma obra, na cidade de Itupeva, e acionou a Guarda Municipal
Crédito: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O pintor de 35 anos, morador no bairro Nova Monte Serrat, em Itupeva, foi encontrado morto na tarde deste domingo (16) em uma obra na rua Emílio Tossi, no Jardim Primavera.

Um trabalhador contou para a Guarda Municipal que viu o homem caído no terreno pela manhã e pensou que era alguém embriagado que estava dormindo.

No entanto, ao notar que à tarde ele ainda estava lá, resolveu acionar a GM. Os guardas municipais contataram a Polícia Científica de Jundiaí e a equipe constatou a presença de uma perfuração de tiro no pescoço da vítima.

Também foi localizado o boletim de ocorrência feito pela esposa da vítima no dia anterior dando conta de seu desaparecimento repentino. Segundo o BO, o homem havia saído de casa com o Peugeot 207.

Os guardas de Itupeva se mobilizaram e localizaram o carro da vítima nas proximidades, com R$ 300 no interior, o que aponta para o fato de que não deve ter sido um roubo ou tentativa de roubo, senão o dinheiro teria sido levado.

A Polícia Civil de Itupeva está investigando para localizar o homicida.


Notícias relevantes: