Polícia

Total de vítimas de acidentes sobe 318% em abril de 2021

O mês de abril apresentou aumento excepcional no número de acidentes de trânsito com vítimas


Divulgação
Só em abril de 2021 foram 46 vítimas de acidentes de trânsito na cidade de Jundiaí em vias municipais e rodovias
Crédito: Divulgação

O mês de abril apresentou aumento excepcional no número de acidentes de trânsito com vítimas, comparado com o mesmo mês de 2020. Foram 318% mais boletins de ocorrência registrados, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública divulgados nesta terça-feira (25). Só nos últimos dois dias, pelo menos três moradores de Jundiaí morreram em decorrência de acidentes de trânsito.

O caso mais recente foi a morte do motociclista David de Almeida, de 25 anos. Ele foi encontrado caído em uma estrada rural de Cabreúva, nesta terça-feira (25), mas até o momento a Polícia Civil não encontrou indícios do que possa ter causado o trauma encefálico sofrido por ele.

A Polícia Civil trabalha com duas hipóteses, que ele tenha sofrido um mau súbito e caído, podendo, ou não, ter sido atropelado em seguida, ou que algum veículo tenha colidindo com sua motocicleta e causado o acidente.

No domingo, duas técnicas de enfermagem de Jundiaí morreram na rodovia João Cereser, após cruzar o canteiro central e colidir de frente com um caminhão.

 

NÚMEROS

Em abril de 2020, 14 acidentes deixaram pessoas feridas na cidade. Já em abril de 2021 foram 46 acidentes com vítimas não fatais. Os dados precisam levar em consideração o fato de que em abril de 2020, no início da pandemia, a taxa de isolamento social em Jundiaí girava em torno de 58%, enquanto em abril de 2021, não passou de 43%, segundo o SIMI-SP (Sistema de Monitoramento Inteligente de São Paulo).

Já no levantamento geral da SSP, o primeiro quadrimestre de 2021 apresentou 182 vítimas de acidentes de trânsito que sofreram lesão corporal e 13 óbitos. Em 2020 foram 141vítimas no mesmo período, de janeiro a abril, e também 13 mortes em decorrência de acidentes. O aumento geral, portanto, foi de 29% de vítimas em 2021.

Em nota oficial, a Unidade de Mobilidade e Transporte da Prefeitura de Jundiaí afirmou que o aumento de acidentes observado nos dados da Secretaria de Segurança Pública reforça a necessidade de fiscalização e conscientização do motorista. Nesse sentido, os investimentos estão sendo direcionados ao foco da preservação a vida de motoristas e pedestres no trânsito de nossa cidade.

Em Jundiaí, dentre as medidas para reduzir o número de acidentes está a colocação de 12 radares que, em 10 dias aplicaram 3 mil multas, e a implantação de 708 placas de sinalização de trânsito em vias públicas no primeiro quadrimestre de 2021.

De acordo com a unidade de gestão, os radares farão a fiscalização de excesso de velocidade, conversão proibida, avanço de semáforo (que inclui a parada sobre a faixa de pedestre) e proibição de trânsito de veículos pesados.

Outros 47 radares devem ser instalados até setembro. "Todos os locais dos equipamentos estão sinalizados e podem ser consultados no site da Prefeitura de Jundiaí. Eles foram escolhidos após estudos técnicos, que levam em consideração principalmente o volume de tráfego e os locais com maior registro de acidentes", diz, ainda, a nota oficial.

 

MAIO AMARELO

O Movimento Maio Amarelo tem como objetivo diminuir o número de acidentes e mortes no trânsito. A campanha que envolve atividades de conscientização dos motoristas está em andamento, inclusive com a colocação de faixas.


Notícias relevantes: