Polícia

Comandante que atacou STF é afastado


Após ter feito postagens em uma rede social em defesa de uma manifestação a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Aleksander Lacerda, comandante da Polícia Militar, foi afastado por indisciplina.

A decisão de afastar o comandante, que estava a frente do Comando de Policiamento do Interior (CPI) 7, em Sorocaba (SP), foi informada por João Doria (PSDB), governador de São Paulo, à rádio CBN, nesta segunda-feira (23).

De acordo com uma reportagem do jornal 'O Estado de S. Paulo', Aleksander convocou militantes e atacou o Supremo Tribunal Federal (STF) nas publicações.


Notícias relevantes: