Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Assassinatos caem 50% em Jundiaí, segundo a SSP

GERALDO DIAS NETTO | 01/11/2018 | 14:00

Seis assassinatos foram registrados pela polícia de Jundiaí entre janeiro e setembro deste ano. A quantidade é 50% menor que a verificada no mesmo período do ano passado, que fechou com 12 boletins de ocorrência. Os números são da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, responsável pelas estatísticas criminais de todo o Estado. Eles revelam que, dos nove meses de 2018 analisados, cinco não tiveram assassinatos, sendo os seis contabilizados nos meses de janeiro (um), fevereiro (um), maio (três) e junho (um).

Já no período anterior, apenas três meses (abril, julho e agosto) não tiveram ocorrência do tipo, com março e maio tendo a maior quantidade (três cada), seguidos por janeiro e junho (dois cada), fevereiro (um) e setembro (um). Latrocínios (roubo seguido de morte), por sua vez, chegaram a três nos nove primeiros meses de 2017, enquanto apenas um caso foi registrado nos mesmos meses deste ano, ainda segundo a SSP.

Outros números
Número de tentativas de assassinato foi semelhante entre os períodos, com 16 em 2018 e 18 no ano passado, que fechou com 22 boletins de ocorrência. Neste ano, a maior quantidade de casos foi anotada em julho (quatro), seguido por setembro (três), janeiro e maio (dois cada), com os restantes dos meses tendo pelo menos um registro policial.

Em 2017, por outro lado, foram cinco casos anotados em janeiro (mês com mais registros), dois em fevereiro, dois em março, três em abril, dois maio, dois em junho e um agosto e um em setembro. Não foi registrado nenhum boletim de ocorrência do tipo em julho, segundo a SSP.

Foto: Jornal de Jundiaí

Foto: Jornal de Jundiaí


Link original: https://www.jj.com.br/policia/assassinatos-caem-50-em-jundiai-segundo-a-ssp/
Desenvolvido por CIJUN