Polícia

Bebê morre depois de ser torturado pelos pais em Itatiba


bebe_violencia_fake
Crédito: Reprodução/Internet
Na noite da última quarta-feira (6) policiais militares do 49º Batalhão de Polícia Militar do Interior receberam a informação de que pela Santa Casa de Misericórdia de Itatiba teria dado entrada um bebê de dois meses de vida com sinais visíveis de tortura. Os policiais compareceram ao hospital e foram informados pelos funcionários que o bebê apresentava marcas de beliscões, pancadas, mordidas por todo o corpo, além de múltiplas fraturas que foi constatadas através de Raio X. Os pais da vítima foram chamados, ele de 18 anos e mãe 17 anos de idade, e o mesmo confessou que agredia a filha de dois meses e informou que a motivação seria por ela chorar muito e pelas brigas constantes com mãe adolescente. Ele ainda informou aos policiais que agredia o bebê de várias formas, além de jogá-lo com frequência no chão. Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao pai e elaborado boletim de ocorrência sobre a tortura seguida de morte e por isso o mesmo permanecerá à disposição da Justiça no Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista. O Conselho Tutelar foi acionado e os pais da adolescente (mãe do bebê) ficarão responsáveis por ela após a liberação. O bebê foi encaminhada ao Instituto Médico Legal. bebe_violencia_fake

Notícias relevantes: