Polícia

Brincadeira de 'João e Maria' sai caro para traficantes detidos por GMs em Jundiaí

joão
Crédito: Reprodução/Internet
Na brincadeira de João e Maria, com base em uma famosa história da literatura infantil, basicamente uma criança se esconde deixando pedrinhas pelo caminho, para que a outra participante exercite a inteligência seguindo os rastos para encontrá-la. Pois na manhã desta de terça-feira (11), no Jardim Tamoio, em Jundiaí, ao correrem para escapar de serem presos por guardas municipais da equipe de Operações com Cães de Jundiaí, dois traficantes 'quiseram brincar' e deixaram cair várias pedrinhas de crack durante a fuga. Apesar de não estarem ali para brincadeira, os agentes precisaram seguir as pedras e encontraram a dupla. Ao terminar um serviço de apoio a equipes da Fundação Municipal de Ação Social (Fumas), os GMs saíram em patrulhamento em avistaram dois homens suspeitos próximo de um ponto de venda de drogas. Ao fugirem por vielas e escadarias, levaram vários quedas e deixavam cair pedras de crack, maconha e cocaína. Os GMs foram seguindo e recolhendo o que ficou pelo caminho, até chegarem na avenida Carlos Ângelo Mathion, quando perceberam movimentação suspeita em um comércio. Ao fazerem uma varredura no local, encontraram os dois criminosos, sendo um adulto e um adolescente, que estavam sujos, suados e bastante 'ralados'. Para concluírem o serviço, os guardas colocaram o K-9 Zork para farejar. Aí a brincadeira custou ainda mais caro aos criminosos, já que o cão encontrou algumas mulas de drogas em uma lixeira. Os indivíduos assumiram a propriedade do entorpecente: 56 porções de maconha, 42 porções de cocaína, e 46 porções de crack. Os infratores e drogas foram encaminhados ao 3o DP. O maior permaneceu à disposição da Justiça e o menor foi liberado para sua avó, após passarem por atendimento médico.

Notícias relevantes: