Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Centro Integrado será instaurado para garantir segurança no Carnaval

SIMONE DE OLIVEIRA | 12/02/2019 | 05:00

Assim como no Carnaval de 2018, a Prefeitura de Jundiaí irá implantar o Centro Integrado de Comando e Controle de Jundiaí (CICCJ) para reunir as forças policiais da cidade, como Polícias Militar e Civil, Guarda Municipal, além do Juizado de Menores, Unidade de Gestão de Mobilidade e Transporte (UGMT) e Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS).

Mesmo sem data a ser oficializado, o objetivo será coibir a violência e a criminalidade durante as festividades: tanto nos bairro onde haverá blocos e na Cidade Administrativa, onde ocorrerão os desfiles das escolas de samba.

O CICCJ irá contar com câmeras de monitoramento em tempo real de vários pontos da cidade, mas a central será instalada no Paço Municipal e vai funcionar durante todo o período das festas, que deve começar nos próximos dias, uma vez que primeiro bloco a sair pelas ruas está programado para a segunda quinzena de fevereiro.

AÇÕES
Enquanto a folia do Carnaval não começa, algumas programações já são realizadas com intuito de coibir os famosos pancadões que no passado, inclusive após a dispersão dos foliões, deram trabalho às autoridades. O mais recente aconteceu na madrugada da última sextas-feira (8) quando uma ação foi realizada no estacionamento do Paço Municipal unindo a Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ), Polícia Militar, Juizado de Menores e Unidade de Gestão de Mobilidade e Transporte (UGMT).

Na ocasião, participaram seis viaturas e sete motocicletas da PM, cinco viaturas da GMJ, sete representantes do Juizado de Menores e três viaturas da UGMT. No local, as equipes encontraram um grande número de pessoas em veículos com som alto, configurando os chamados “pancadões”, menores ingerindo bebidas alcoólicas e carros estacionados de forma irregular.

Durante a ação também foram aplicadas oito autuações por conta do som alto, 14 multas de estacionamento irregular, uma multa por transitar com faróis apagados e uma por escapamento irregular. Ao todo 57 veículos foram vistoriados e seus condutores abordados.

Segundo informa a GM, por uma questão de estratégia, as ações integradas como a de sexta-feira, não podem ser divulgadas de forma antecipada, mas a Guarda Municipal está atenta às reclamações que recebe dos moradores por meio de seus canais oficiais e, portanto, essas podem ocorrer em qualquer ponto da cidade.

T_segurança3


Link original: https://www.jj.com.br/policia/centro-integrado-sera-instaurado-para-garantir-seguranca-no-carnaval/
Desenvolvido por CIJUN