Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Golpistas continuam agindo contra idosos dentro de agências bancárias

GERALDO DIAS NETTO | 17/07/2018 | 05:21

Criminosos continuam aplicando golpes contra idosos em caixas eletrônicos de agências bancárias de Jundiaí. Neste final de semana, foi a vez de dois aposentados, de 70 e 73 anos, sofrerem prejuízo nas mãos de criminosos que agiram na avenida Jundiaí, no bairro do Anhangabaú. Ambos foram enganados dentro das agências, nos terminais de autoatendimento, onde não há segurança para correntistas.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o idoso de 73 anos tentou utilizar pelo menos três caixas eletrônicos na agência do Banco Santander localizada no número 599 da avenida Jundiaí. Em um deles, teve seu cartão retido na máquina, momento em que foi surpreendido pela aproximação de um desconhecido, com aparência de jovem, que se propôs a ajudá-lo e lhe emprestou um aparelho celular para contatar o banco.
Sem desconfiar de que se tratava de em um golpe, o correntista foi orientado pelo interlocutor a digitar sua senha. Fez isso, mas não conseguiu retirar o cartão do terminal e resolveu deixá-lo ali.

O idoso contou que conseguiu bloquear o cartão ao ir a uma farmácia nas imediações. Ao retornar para a agência, no entanto, não mais o encontrou na máquina e descobriu que ele havia sido usado para dois saques que totalizaram R$ 3,5 mil.

Outro caso
Golpe semelhante foi cometido contra o idoso de 70 anos. À polícia, ele contou que utilizou um caixa eletrônico na avenida Jundiaí, próximo ao Parque da Uva, e foi abordado por um homem que teria informado que ocorreram problemas com a transação que havia feito. Segundo a vítima, o homem aparentava ter cerca de 25 anos, 1.75 de altura e teria “boa aparência”, o que levou o senhor a crer em suas palavras. De volta ao caixa eletrônico, foi instruído a digitar seus dados na tela, inclusive a senha do cartão. Ao chegar em casa, porém, reparou que o cartão que carregava não era o seu.

A vítima não soube informar em que momento se deu a troca de cartões. Diante da surpresa, ele foi consultar as transações de sua conta pela internet e constatou que duas compras haviam sido feitas em seu nome, sendo uma no valor de R$ 3.199 e outra de R$ 2.484 na loja do Magazine Luíza. A vítima então bloqueou o cartão de crédito utilizado e se dirigiu ao Plantão Policial para denunciar o ocorrido.

Investigação
Em junho passado, uma quadrilha especializada em golpes contra correntistas durante operações bancárias em caixas eletrônicos foi presa em Jundiaí pela GM e investigada pela Polícia Civil. Para a Delegacia de Investigações Gerais (DIG), pode chegar a mais de 20 o número de vítimas do bando apenas em Jundiaí, uma vez que outras unidades também já foram procuradas para proceder ao reconhecimento formal dos envolvidos.
O grupo foi preso por guardas municipais do Canil e estava em poder de aproximadamente 100 cartões bancários de potenciais vítimas, sendo parte deles no fundo falso de um dos automóveis em que estavam, um VW Gol e um Ford EcoSport.

De acordo com a equipe da DIG, a Apolo 3 (Gigio e Júlio), que identificou a maioria das vítimas, o lucro diário auferido pelo bando era de cerca de R$ 50 mil. Foram presos Deivid Lopes de Andrade, José Roberto Cavalcante Ferreira, Marco Antônio Cerqueira da Silva e Luciano Gomes de Melo. Segundo o inspetor Alceu Marastoni, chefe do Canil e responsável pela equipe da GM que prendeu o bando, Ferreira também estava sendo procurado pela Justiça.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


Link original: https://www.jj.com.br/policia/golpistas-continuam-agindo-contra-idosos-dentro-de-agencias-bancarias/
Desenvolvido por CIJUN