Polícia

Homem é acusado de estuprar irmã e primo


T_cricnaa
Crédito: Reprodução/Internet
A Polícia Civil investiga os possíveis estupros de duas crianças de 11 anos, um menino e uma menina, da mesma família, ambas moradoras em Jundiaí. Os abusos teriam ocorrido em uma casa na Vila Marajó, em Várzea Paulista. O autor, que segundo ocorrência registrada no Plantão Policial, é irmão de uma das vítimas e morador do Jardim Tamoio, em Jundiaí. Uma das crianças estupradas, a menina, segundo boletim de ocorrência, é irmã do agressor, e sofreu o abuso no último dia 10. A criança disse que foi estuprada por diversas vezes pelo irmão, mas que já teria contado aos pais sobre abusos cometidos anteriormente, sem que eles acreditassem. O abusador teria se aproveitado dessa descrença dos pais de ambos, para cometer os crimes. Pai e mãe só passaram a acreditar na história depois que uma menina, prima do garoto, também relatou ter sido estuprada pelo mesmo homem. O menino, segundo a família, foi estuprado no dia 10 de julho deste ano, mas somente fez a denúncia contra seu agressor terça-feira (12). Ele contou aos pais que o estuprador usou de violência para praticar o abuso contra ele. Alguns familiares do acusado, aliás, teriam ficado sabendo dos casos, mas não denunciaram à polícia, nem mesmo aos pais da criança. Ambos os casos foram registrados no Plantão Policial de Jundiaí e serão encaminhados para a delegacia de Várzea Paulista, para que haja investigação.

Notícias relevantes: