Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Irmãos são mortos a tiros na madrugada desta segunda-feira (11) em Jundiaí

DA REDAÇÃO | 11/06/2018 | 08:38

A onda de violência que atingiu a Região no último final chegou a Jundiaí e vitimou dois irmãos, assassinados com tiros na cabeça em um bar no Jardim Corrupira, por volta das 22h de domingo. Outros dois irmãos já haviam sido baleados em um bar em Várzea Paulista, na noite de sábado. Um deles morreu, enquanto o outro foi levado às pressas ao hospital local, onde permaneceu internado com balas alojadas na nuca e no olho esquerdo.  Além dos dois casos no período, uma mulher de 46 anos foi presa em Campo Limpo Paulista, acusada de matar o companheiro a facadas, e uma jovem de 21 anos, de Cabreúva, foi internada após sofrer queimaduras. O namorado da vítima, de 39 anos, foi autuado por tentativa de assassinato, sob a acusação de ter ateado fogo.

Em Itatiba um suspeito morreu em confronto com a Guarda Municipal. O embate ocorreu em uma área de mata, para onde o homem, que não portava documentos e foi identificado apenas pelo prenome Léo, teria fugido após entrar em um hotel abandonado para cometer furto. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí apura o duplo assassinado no Jardim Corrupira. Ainda ontem, peritos fizeram levantamentos preliminares na cena do crime, identificando os mortos como os irmãos Rodrigo Ladeira Scrico, 43, e Ricardo Antonio Ladeira Scrico, 46, ambos comerciantes. De acordo com o delegado Luís Carlos Duarte, titular da especializada, a autoria do crime já foi descoberta, aguardando agora a polícia a apresentação do envolvido nas mortes.

LEIA TAMBÉM

FINAL DE SEMANA NA REGIÃO É UM DOS MAIS VIOLENTOS DOS ÚLTIMOS TEMPOS

CLIQUE AQUI E VEJA OUTRAS NOTÍCIAS NO PLANTÃO POLICIAL

Assassinato
O crime ocorreu em um comércio denominado “Bar do Paletó”, localizado na avenida Nicola Acieri, por volta das 22h. No local, policiais militares encontraram os dois irmãos baleados, sendo que Rodrigo apresentava dois ferimentos por tiros na cabeça, enquanto Ricardo tinha um ferimento na cabeça e outro na perna direita, ambos provocados por disparos de arma de fogo. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionada, mas os resgatistas constataram o óbito dos irmãos assim que chegaram ao bar. Também foi encontrada pelos policiais a picape de Rodrigo, uma Fiat Strada ano 2014. O veículo tinha em seu interior manchas de sangue, o que indicaria uma possível tentativa de fuga do proprietário ou o ponto onde ele foi atingido.

Algumas testemunhas foram qualificadas pela Polícia Civil, incluindo o filho do dono do bar. Já o comerciante, de 44 anos, não foi encontrado e deve ser ouvido nesta terça-feira (12) pelo delegado Duarte. Uma equipe da DIG, a Apolo 3 (Gigio, Júlio e Samuel), foi acionada para investigar o caso e esteve no local para acompanhar a perícia do Instituto de Criminalística (IC), que apreendeu ainda uma máquina de caça níquel. De acordo com os policiais, foi percebido que Ricardo, além dos ferimentos provocados pelos tiros, tinha outras lesões da cabeça, indicando uma possível agressão anterior com outro objeto.

Números
Dois assassinatos foram registrados em Jundiaí nos quatro primeiros meses deste ano. A quantidade é 66,6% menor do que a verificada no mesmo período de 2017, que somou seis registros, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo. Tentativas de assassinato também tiveram queda na comparação dos períodos, com cinco registros até abril deste ano, contra 12 em 2017. No próximo dia 25, a SSP deve divulgar as estatísticas de todo o Estado referentes a maio passado.

 

 

 

Foto: Divulgação/PM

Foto: Divulgação/PM


Leia mais sobre | | |
Link original: https://www.jj.com.br/policia/irmaos-sao-mortos-a-tiros-na-madrugada-desta-segunda-feira-11-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN