Polícia

Luiza, de 3 anos, morre devido a maus-tratos


abril-6-campanha-de-prevencao-de-maus-tratos-em-criancas-e-j013ad777
Crédito: Reprodução/Internet
Luiza Vitória de Oliveira Rocha, de apenas 3 anos, faleceu na madrugada deste domingo (25) no bairro no Pronto Socorro do Hospital Universitário (HU). Ela morava com a mãe e o padrasto no bairro Água Doce, em Jundiaí. De acordo com o Boletim de Ocorrência apresentado pela Polícia Militar no Plantão da Polícia Civil, os médicos apontaram que a causa da morte foram maus-tratos. A equipe médica do Hospital Universitário comunicou o Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente por ter observado os sinas de maus tratos: havia bolhas resultantes de queimaduras, lesões no couro cabeludo e sinais de espancamento. O delegado Vitor Pozzolatti decretou a prisão em flagrante da mãe e do padrasto, sem a possibilidade de fiança. Eles eram os únicos que tinham contato constante com a criança. A PM localizou a mãe da criança, de 21 anos, e o namorado dela, de 26, e os deteve para esclarecimentos. Eles disseram que moram juntos há cerca de cinco meses e que cuidam da criança. No entanto, o casal não soube explicar o motivo dos ferimentos e foi preso em flagrante. O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto Médico Legal para realização dos exames necroscópicos que vão apontar a causa da morte e se houve outros tipos de agressões, inclusive sexuais.    

Notícias relevantes: