Polícia

Mulher diz à Polícia que marido a agrediu porque ela estava 'fedendo a cigarro'

tapas
Crédito: Reprodução/Internet
A Policia Civil investiga sobre a denúncia de uma mulher, moradora em Jundiaí, que contou ter sido agredida pelo marido porque, depois de ela sair para resolver uma questão sobre a vacinação do filho, teria retornado 'fedendo a cigarro'. O caso aconteceu no final de semana. De acordo com a vítima, ela havia saído para resolver algumas questões no centro de Jundiaí e também sobre a vacinação do filho, um bairro próximo. Quando chegou em casa, comentou com o marido que estava cansada, momento em que, segundo ela, ele passou a ofendê-la, a acusando de estar mentindo e reclamando de estar 'fedendo a cigarro', e lhe deu tapas no rosto, apertou sua cabeça contra a parede e tentou enforcá-la. O caso, registrado como violência doméstica, lesão corporal e injuria, será encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

Notícias relevantes: