Polícia

Onda de assaltos assusta moradores no Jd. Samambaia


Uma onda de assaltos vem assustando os moradores do Jardim Samambaia, em Jundiaí. No período de um mês foram registrados dois roubos e um furto no local. Em um deles, houve agressão e a vítima ficou cega. Segundo o titular da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Ruiter Martins, o primeiro roubo aconteceu na madrugada do dia 22 de janeiro. No momento e que saiam de casa, os moradores foram abordados por dois ladrões que dominaram o casal. Os bandidos entraram na casa e roubaram diversos objetos como joias e eletrodomésticos. Após o roubo, fugiram com o carro das vítimas. A polícia começou a investigar o caso a partir da placa do veículo. Dois dias após o ocorrido, ladrões tentaram invadir uma segunda casa, em frente à residência da primeira ocorrência. Um senhor e seu filho foram abordados no momento em que chegavam em casa, de madrugada. Os bandidos surgiram de forma violenta e agrediram o senhor com uma coronhada no olho, que o cegou. Diante da gravidade da situação, os ladrões ficaram com medo e desistiram de entrar na casa, levando o carro da vítima. Segundo o delegado, após alguns dias, o carro do primeiro roubo foi localizado e os bandidos presos em flagrante. As vítimas reconheceram imediatamente um dos criminosos. O outro foi reconhecido pelo relógio em seu pulso, que havia sido roubado da casa. Os dois foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória de Jundiaí (CDP). O veículo da vítima do segundo roubo também foi encontrado. O senhor e o filho reconheceram o ladrão, Luis Henrique Monteiro Bovo, de 18 anos. A prisão temporária de Bovo foi pedida para que a polícia pudesse juntar provas. Entretanto, um dia depois do pedido de prisão, ele participou de um roubo com um outro grupo de criminosos no bairro Traviú e morreu após troca de tiros contra a Guarda Municipal. O segundo ladrão foi identificado como Pablo Ricardo, e preso. Essa semana, foi registrado um terceiro crime, um furto em uma residência. A vítima não estava na casa. Os ladrões levaram alguns pertences e o carro. A polícia segue com a investigação para descobrir quem cometeu o delito. Motivação De acordo com o delegado, a grande incidência dos crimes pode ser por conta do alto padrão das casas do bairro. “O ladrão acredita que vai encontrar muitos pertences de luxo dentro das casas e além disso, a localização do bairro, ao lado da rodovia, facilita a ação dos bandidos”, avalia. Moradora do Jardim Samambaia, M.H. conta que a insegurança aumenta muito após casos como esses. “Fazia tempo que não aconteciam por aqui”. O delegado recomenda alguns cuidados aos moradores. "Pedimos que as pessoas tomem cuidado ao entrar e sair de casa, pois é o momento em que o bandido encontra mais facilidade em abordar a vítima que muitas vezes está distraída e com o carro parado ou em baixa velocidade", afirma o delegado. “O bandido não tem alvo específico, ele fica parado na rua esperando o momento que alguém entra ou sai de casa para agir”, complementa. Segundo Ruiter, os vigilantes precisam ficar mais atentos a qualquer movimentação estranha no local. “Acredita-se que depois desses incidentes, a PM fortalecerá a segurança”, completa o delegado. ROUBOS E FURTOS NA JARDIM SAMAMBAIA

Notícias relevantes: