Polícia

Padrasto é flagrado beijando na boca das enteadas de 3 e 5 anos em Jundiaí


Um vendedor de 32 anos, morador no bairro Ponte São João, está sendo investigado por estupro de vulnerável contra duas enteadas, uma de 3 e outra de 5 anos. Ele foi visto por moradores na tarde de ontem beijando a boca (beijo lascívo) das crianças e posteriormente passando as mãos sobre as partes íntimas das vítimas, por cima da roupa, enquanto caminhavam pela rua. Duas mulheres flagraram o abuso e chamaram a Polícia Militar, que patrulhava pelo bairro. Enquanto elas relatavam o que haviam acabado de ver, e passavam as características do suspeito, um dos PMs avistou, de longe, um homem parecido com o que as vítimas haviam descrito. Ele foi abordado e negou o abuso, alegando ser padrasto das meninas, porque tem um relacionamento com a mãe delas. O suspeito chorou por diversas vezes durante a abordagem, e não sabia dizer o nome completo das meninas, tampouco da mãe. O caso será investigado pela Delegacia de Investigações da Mulher (DDM).

Notícias relevantes: