Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Pedintes ‘com fome’ e armados roubam cabeleireiro em semáforo na 9 de Julho

Fábio Estevam | 20/05/2020 | 17:29

Um cabeleireiro de Campinas foi roubado por um casal armado na tarde desta quarta-feira (20) em um semáforo ao lado do JundiaíShopping, na avenida 9 de Julho, quando se dirigia à rodoviária onde tomaria o ônibus para retornar à sua casa. Ele havia acabado de chegar de São Paulo com pouco mais de R$ 700 que ganhou fazendo um “bico” de pintor. O dinheiro seria usado para comprar uma maquininha de cortar cabelo que daria de presente a um amigo.

“Era para presentear meu amigo, também cabeleireiro”, comentou a vítima, Lucas Henrique Soares Alves, de 22 anos. Os casal foi preso por policiais militares do 11º Batalhão pouco tempo depois próximo a um ponto de venda de drogas na Vila Ana.

No 7º DP, onde a ocorrência foi apresentada, a vítima contou à reportagem que chegou de trem, vindo de São Paulo e, a pé, seguiria para a rodoviária. “Esse casal estava pedindo dinheiro no semáforo, quando me viu. Os dois vieram dizendo que estavam com fome e que ele queria também se higienizar, cortar o cabelo e fazer a barba. Eu então quis ajudar e quando fui pegar R$ 10, que daria a eles, o rapaz mostrou uma arma e ela uma faca, anunciando o assalto”, disse ele.

E completa. “Ele mostrou as munições da arma para enfatizar que era verdadeira”, diz.

Enquanto o ladrão apontava a arma para o cabeleireiro e pedia seus pertences, a comparsa mostrava a faca o ameaçando de golpeá-lo. “Um ficou na minha frente e o outro atrás de mim. Eles pegaram dinheiro, celular, relógio, o sapato social que eu estava usando e roupas novas que eu havia comprado em São Paulo e que estavam na minha mochila”, lamentou.

“Ele ainda me deu o chinelo dele alegando que seria legal comigo e não me deixaria descalço”.

Lucas (ao fundo), que reconheceu os criminosos e a faca usada no assalto, havia acabado de fazer um ‘bico’ de pintor, em São Paulo

Após o roubo um disse ao outro algo que seria importante para a prisão de ambos posteriormente. “Eles disseram: ‘vamos logo para a biqueira fumar uma pedra'”, comentou a vítima.

Presos

Sem celular para ligar para a polícia, Lucas Soares foi até a rodoviária e pediu informações a um taxista, que o orientou a ir até o balcão de atendimento. A PM foi comunicada via 190 e em poucos minutos vários policiais militares estavam no local. Após colher informações de características dos ladrões e saber que eles disseram que iriam para a biqueira, PMs da Rádio Patrulha com Motocicletas (RPM), Comando de Força Patrulha (CFP) e uma viatura de patrulhamento passaram a patrulhar na Vila Ana, bairro mais próximo onde há tráfico de drogas.

Algum tempo depois os bandidos foram presos. “Foram pelo menos meia hora de buscas até que encontramos um casal com as mesmas características apontadas pela vítima em uma rua onde funciona o tráfico de drogas” disse o cabo Deocleciano, da RPM, que estava com o parceiro soldado André.

Também participaram da detenção os PMs tenente Calian e soldado Ferreira (viatura de CFP) e cabo Silvia e soldado Pimentel (viatura de patrulha).

Os produtos roubados, inclusive o dinheiro, não foram localizados. Apesar de negarem o crime, ambos foram reconhecidos pela vítima e tiveram voz de prisão ratificada em flagrante por roubo pelo delegado Antônio Dota Junior (BO elaborado pelo escrivão Xororó). A faca usada no assalto e reconhecido pelo cabeleireiro, acabou sendo localizada pelos PMs, que retornaram ao local para fazerem uma varredura. A arma não foi encontrada.

O homem preso já possui diversas passagens por furto e roubo. Ele foi encaminhado ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista e será submetido à audiência de custódia na manhã desta quinta-feira (20). Ela foi conduzida à Cadeia Feminina de Itupeva.

 


Leia mais sobre | | |
Link original: https://www.jj.com.br/policia/pedintes-com-fome-e-armados-roubam-cabeleireiro-em-semaforo-na-9-de-julho/
Desenvolvido por CIJUN