Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Polícia Militar prende dupla após roubo de carro com arma de fogo em Jundiaí

GERALDO DIAS NETTO | 05/10/2018 | 22:01

Ação de policiais militares do 11º Batalhão mandou para trás das grades dois homens acusados de roubar um VW Jetta, ano 2016, em Jundiaí, durante a noite de quinta-feira (4). A captura ocorreu após a dupla abandonar o veículo e tentar escapar em um Clio. De janeiro a agosto deste ano, 231 boletins de ocorrência de roubo de veículo foram registrados apenas em Jundiaí. No Estado de São Paulo, o número sobe para impressionantes 38.017, resultando em uma média mensal de mais de 4,5 mil automóveis roubados.

Já na comparação com o mesmo período de 2017, Jundiaí teve um aumento neste ano de 6,4% na quantidade de casos, uma vez que 217 boletins de ocorrência foram registrados nos oito primeiros meses do ano passado. Os números são da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, responsável pelas estatísticas criminais de todo o Estado. De acordo com o capitão Augusto José Martinelli, do 11º Batalhão, os dois homens presos em Jundiaí utilizaram uma arma de fogo para render o dono do carro e residem no mesmo bairro da vítima, um diretor de empresas de 32 anos.

Após o assalto, abandonaram o Jetta na avenida Reserva do Japi, no Jardim Guanabara, e entraram em um Renault Clio branco, detalhe percebido por testemunhas, que informaram o que viram a uma equipe da PM (tenente Iuri e soldados Bruno Dias e Carlos). Com as características físicas também passadas aos militares, um patrulhamento mais amplo foi feito na região, até que o Clio foi avistado no Parque Eloy Chaves e seu condutor abordado. Ele estava em companhia de outro homem e negou envolvimento no roubo do Jetta, alegação refutada com o reconhecimento do proprietário do automóvel no Plantão Policial, na avenida 9 de Julho.

Eles foram identificados como Bruno de Carvalho Ivo, de 32 anos, natural de São Paulo, e Willian de Souza Lamoglia, de 20, do Rio de Janeiro, ambos moradores no Parque Eloy Chaves. Depois de serem autuados em flagrante por roubo consumado, terminaram a noite em uma cela do Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista para aguardar audiência de custódia, num prazo de até 24 horas. O procedimento é realizado pelo Poder Judiciário e analisa as circunstâncias da prisão, decidindo pela permanência ou não dos custodiados em unidades prisionais. Não há julgamento do mérito.

Investigação
A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí foi acionada para apurar o possível envolvimento da dupla em outros assaltos na Região. De acordo com o investigador-chefe Almir de Oliveira, a equipe Apolo 3 (Gigio e Júlio) está com o caso e pode ser contatada em caso de reconhecimento fotográfico. A unidade é coordenada pelo delegado Luís Carlos Duarte e está localizada na avenida Francisco Pereira de Castro, 878, no bairro do Anhangabaú. Já o telefone é o (11) 4521-6806.

T_jetta


Link original: https://www.jj.com.br/policia/policia-militar-prende-dupla-apos-roubo-de-carro-com-arma-de-fogo-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN