Polícia

Três criminosos morrem durante troca de tiros com a PM na Região

T_mortos
Crédito: Reprodução/Internet
Três criminosos morreram em troca de tiros com policiais militares nesta quarta-feira (22) em Jundiaí e Campo Limpo Paulista. Os bandidos fugiam dos PMs após roubos praticados no bairro Vila Marlene (em Jundiaí) e Jarinu (com desfecho em Campo Limpo). No primeiro caso, pela manhã, três homens que haviam acabado de assaltar uma loja de perfumaria no Centro de Jarinu fugiram pela rodovia Edgard Máximo Zamboto sentido Campo Limpo Paulista. PMs foram acionados e iniciaram perseguição. A ocorrência foi passada às viaturas de patrulha em Campo Limpo, que realizaram um cerco em frente à Churrascaria Tordilho Negro para interceptar os criminosos. Quando o veículo Fox, de cor preta, com placas EPZ 5755 apareceu, os PMs empunharam as armas esperando o possível confronto, que acabou acontecendo. Eles tentaram uma manobra arriscada para acessar a contramão da rodovia e perderam o controle, batendo em um veículo. Os três deixaram o carro e saíram correndo armados. Um deles efetuou um disparo contra o cabo Alan e o solado Mychell, que revidaram. Alan atirou duas vezes e Mychell três. O criminoso caiu baleado. Os outros dois entraram em uma mata e outras equipes foram ao encalço. Em determinado momento os criminosos passaram a efetuar disparos contra duas equipes de policiais, que se separaram. De um lado o 1° tenente Rizzardi, soldado Abrantes e cabo Diego, e do outro os cabos Wacheisk e Jefter. Um bandido foi em direção a um dos PMs e o soldado Abrantes atirou duas vezes. Um oficial também atirou outras duas vezes e o ladrão caiu baleado. O terceiro bandido, na mata, também apontou para os policiais. O cabo Wacheisk efetuou três disparos e o cabo Jefter atirou seis vezes, alvejando o infrator. Os PMs acionaram ambulâncias de resgate para cada um deles logo após terem sido baleados. Dois acabaram morrendo e outro está internado. JUNDIAÍ PMs foram acionados por conta de um roubo que havia acabado de ocorrer em uma residência na Vila Marlene. O bandido fugiu em direção ao bairro Engordadouro e entrou em uma área de mata para se esconder, quando percebeu que estava sendo perseguido. O helicóptero Águia, de Campinas, foi acionado para ajudar nas buscas pelo criminoso, que acabou sendo encontrado e entrou em confronto com os policiais. Ele acabou sendo baleado e socorrido por uma viatura do serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ao Hospital São Vicente, onde acabou morrendo.

Notícias relevantes: