Polícia

Veículo com adesivo de Bolsonaro é incendiado em Cabreúva

carro 2
Crédito: Reprodução/Internet
Proprietário de um Gol 1994, sem seguro, um morador do bairro Jacaré, em Cabreúva, teve o interior de seu veículo incendiado após ser ameaçado por usar adesivos do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). Todo o estofamento do automóvel e o painel ficaram destruídos. Nenhum suspeito ainda foi preso. Claudio Vitorino dos Santos, de 40 anos, o Nenê, conversou com a reportagem do Jornal de Jundiaí. Disse que registrou um boletim de ocorrência e lamentou o ocorrido, dizendo que usava o veículo para ir ao médico com frequência, já que um acidente de moto causou fratura em seu pescoço. Sobre as ameaças, disse: “Eu coloquei os adesivos no vidro traseiro do carro, porque meu voto é em Bolsonaro. Mas, depois que fiz isso, algumas pessoas do bairro começaram a me ameaçar, dizendo que era melhor eu tirar o adesivo. Na quinta-feira, um grupo de homossexual, na feira, também gritou para eu tirar, mas nunca faria isso, porque acredito numa causa”, salientou. Nenê explicou que, no último sábado (20), parou o carro em frente da casa de um amigo, próximo da sua, e conversou durante algum tempo com o conhecido. Descobriu, então, que seu carro estava pegando fogo. “Eu tinha deixado o vidro com uma fresta aberta, porque, se fecho tudo, não consigo abrir depois. Foi por ali que colocaram fogo”, informou, acrescentando que nem a bateria ou o motor foram atingidos, o que descarta a possibilidade de uma pane elétrica. “Todos os vidros quebraram, menos o traseiro, onde tinha o adesivo do Bolsonaro, acredita?”, indagou. Sobre se as ameças o fariam mudar de voto ou temer algum mais grave, foi taxativo: “Jamais”. [caption id="attachment_40541" align="aligncenter" width="1040"]Foto: divulgação Foto: divulgação[/caption]

Notícias relevantes: