Política

Covas aumenta vantagem na ponta


O atual prefeito de São Paulo, Bruno COvas (PSDB), aumentou sua vantagem em relação aos outros candidatos na corrida eleitoral pela Prefeitura de São Paulo. Em pesquisa Ibope divulgada ontem (9), Covas cresceu de 26% para 32% das intenções de voto.

O vice-líder agora é Guilherme Boulos (PSOL), que se manteve com 13%, mas passou Celso Russomanno (Republicanos), que caiu drasticamente de 20% para 12%. Márcio França (PSB) aparece em quarto, com 10%.

Jilmar Tatto, do PT, é o quinto, com 6%, seguido de perto por Arthur do Val, o "Mamãefalei", que cresceu de 3% para 5%. Joice Hasselmann (PSL) tem 2% e Andrea Matarazzo (PSD), 1%, assim como Levy Fidelix (PRTB) e Orlando Silva (PCdoB). Brancos e nulos somam 11% e 5% ainda não souberam responder.

De acordo com o Ibope, Bruno Covas mantém destaque entre os eleitores que avaliam sua administração positivamente (64%) e entrevistados com 55 anos ou mais (40%). Em relação à rodada anterior, o candidato cresce, principalmente, nos seguintes perfis:

Guilherme Boulos tem mais intenções entre os mais instruídos e eleitores de outras religiões que não a católica ou evangélica (22%, em cada um). Além disso, o candidato também se destaca entre os entrevistados com renda média familiar de mais de 5 salários mínimos (21%).

Celso Russomano se sobressai entre aqueles com ensino fundamental (21%). Por outro lado, em comparação à pesquisa passada, o candidato tem suas intenções oscilando negativamente ou diminuindo em todos os segmentos. As menções a Márcio França são homogêneas entre os segmentos pesquisados.

 (Angelo Augusto)


Notícias relevantes: