Política

Luiz Fernando encontra Garcia


Na tarde de segunda-feira (18), o prefeito jundiaiense Luiz Fernando Machado (PSDB) realizou uma agenda de trabalho no Palácio dos Bandeirantes, na Capital, onde foi recebido pelo vice-governador paulista Rodrigo Garcia (DEM). Há algum tempo, Luiz Fernando tem mantido linha direta com Garcia para levar ao governo do estado alguns assuntos de interesse da cidade de Jundiaí.

Ampliação de leitos públicos

Após a reunião com o vice-governador, Luiz Fernando esteve com o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn. A audiência foi solicitada para tratar da ampliação de leitos públicos em enfermaria na estrutura do Hospital Regional, que servirão como retaguarda nas ações de enfrentamento ao coronavírus. Hoje, Jundiaí tem 98 leitos públicos exclusivos para a doença, sendo 62 de UTI e 36 de enfermaria.

Eleição será presencial

Após pressão do bloco do centrão, a Câmara dos Deputados decidiu nesta segunda-feira (18) que a eleição para a sucessão de Rodrigo Maia (DEM-RJ) será no dia 1º de fevereiro, em uma votação presencial. A decisão foi tomada em reunião da Mesa da Casa e a definição contraria Maia, que defendia um pleito no dia 2 de forma eletrônica. A decisão representa uma vitória para Arthur Lira (PP-AL), aliado de Jair Bolsonaro.

Arthur Lira lidera disputa

Três dias após divulgação do resultado parcial da disputa pela presidência da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL) passou de 145 para 186 votos declarados. Candidato defendido pelo governo Jair Bolsonaro, o parlamentar "ganhou" 41 apoios em função de uma mobilização da coordenação da campanha para transformar a opção "não respondeu" em voto no líder do Centrão.

Bolsonaro critica questão do Enem

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou a questão do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deste domingo (17) que abordou a desigualdade de gênero com um texto sobre a diferença salarial entre os jogadores de futebol Neymar e Marta, eleita seis vezes pela Fifa a melhor jogadora do mundo. "O banco de questões do Enem não é do meu governo ainda", lembrou.

STF exige atualização

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou ontem (18) a intimação do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e da Advocacia-Geral da União para que o governo federal atualize o plano de vacinação nacional contra a covid-19. A primeira versão do plano foi apresentada em dezembro e a determinação ocorre depois da antecipação da vacinação.


Notícias relevantes: