Política

'Esquadrão da morte' em Curitiba


O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes comparou a força-tarefa de Curitiba da Operação Lava Jato com um "esquadrão da morte". Gilmar também fez duras críticas ao grupo de procuradores e ao ex-juiz Sergio Moro, que contribuíram para a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à prisão. "Acho tudo isso lamentável, todos nós de alguma forma sofremos uma manipulação", afirmou.


Notícias relevantes: