Política

'Pode botar quem quiser'


O vice-presidente, Hamilton Mourão, rechaçou nesta terça-feira (30) qualquer risco de ruptura institucional com a troca dos comandantes das Forças Armadas. "Zero. Pode botar quem quiser, não tem ruptura institucional. As Forças Armadas vão se pautar pela legalidade, sempre". Mourão é general da reserva e, assim como Pujol, respeitado entre os pares no Exército Brasileiro.


Notícias relevantes: