Política

STF mantém foro privilegiado


A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou favorável à manutenção do foro privilegiado para deputados e senadores nos casos de "mandato cruzado". O mandato cruzado acontece quando um deputado se elege para o cargo de senador ou um senador vira deputado. A maioria do Supremo seguiu o voto do ministro Edson Fachin e discordou da relatora Rosa Weber.


Notícias relevantes: