Política

Queiroga contraria Ramos


Marcello Casal JrAgência Brasil
O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante anuncio do plano de vacinação de atletas e credenciados da Delegação Brasileira para os jogos de Tóquio.
Crédito: Marcello Casal JrAgência Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, contrariou o ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, e afirmou nesta sexta-feira (4) que não haverá exigência de vacinação dos atletas e das comissões técnicas dos países que irão disputar a Copa América neste mês, no Brasil. Na segunda-feira, o ministro Ramos afirmou que todos os jogadores e integrantes das delegações de cada delegação seriam vacinados.

 


Notícias relevantes: