Política

CPI terá novos investigados


A CPI da Covid aprovou transformar em investigados Francisco Maximiano, sócio da Precisa Medicamentos, Emanuel Catori, sócio da Belcher Farmacêutica, e o ex-diretor de logística do Ministério da Saúde, Roberto Dias, a pedido do relator Renan Calheiros (MDB-AL). "Em função do avanço da investigação e dos depoimentos, elevamos a condição dessas pessoas a investigados", disse.


Notícias relevantes: