Política

Reunião entre as Câmaras discute Parlamento Regional

JUNDIAÍ No encontro, foram debatidas as ações que serão realizadas em conjunto após a criaçao da Região Metropolitana


Divulgação
Reunião entre os presidentes das Câmaras Municipais do AUJ discute a Região Metropolitana de Jundiaí
Crédito: Divulgação

Na noite desta quinta-feira (26), os presidentes das Câmaras Municipais das cidades que compõem o Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ) se reuniram para discutir a criação da Região Metropolitana de Jundiaí, anunciada recentemente pelo governador do Estado de São Paulo, João Doria, assim como a formação do Parlamento Regional.

A reunião foi realizada na Câmara de Jundiaí e contou com a participação dos presidentes das Câmaras de Cabreúva, Fátima Barbosa; Campo Limpo Paulista, Diego Ito; Itupeva, Jota Júnior; Jarinu, Simone Gerez; e Várzea Paulista, Mauro Aparecido; além do anfitrião Faouaz Taha (PSDB).

Foram debatidas propostas para melhorar, em âmbito regional, os serviços e políticas públicas nas áreas de saúde, segurança, meio ambiente e mobilidade. O encontro também foi o primeiro passo para a criação do Parlamento Regional, que deverá ser formado assim que a Região Metropolitana de Jundiaí for formalizada.

O Parlamento Regional será um conselho consultivo composto por dois vereadores de cada município, sendo um titular e um suplente, escolhidos em processo transparente pelos seus pares em cada Câmara Municipal. O mandato será de dois anos.

Caberá aos vereadores que integrarem o Parlamento Regional apresentar, em suas respectivas Câmaras Municipais, leis que forem necessárias para a implementação de políticas públicas regionais, que impulsionem as potencialidades e solucionem problemas que são comuns nos municípios.

"Nossa ideia é discutir pautas comuns para as sete cidades da Região Metropolitana de Jundiaí, para reivindicar melhorias ao governo estadual. Nossa intenção é manter e intensificar o diálogo para buscarmos o desenvolvimento de toda a região", explicou o presidente da Câmara de Jundiaí, Faouaz Taha.

Já presidente do Legislativo de Itupeva, Jota Júnior (PSD) destacou a importância da discussão de pautas de interesse em comum entre os municípios e o quanto a criação da Região Metropolitana é fundamental para garantir investimentos e recursos.

"Por meio de uma reunião como essa nós fortalecemos a representatividade do Poder Legislativo, discutirmos pautas importantes e, agora, não só no âmbito do município, mas de forma regional com as cidades que hoje são Aglomerado Urbano e que acreditamos que em um curto espaço de tempo seremos Região Metropolitana."

Segundo ele, todas as frentes devem ser discutidas. "É muito importante, hoje discutimos transporte, infraestrutura, meio ambiente, esporte e saúde, que é uma pauta de interesse regional muito forte. Enfim, foram pautas diversas e acredito que demos um passo muito importante aqui hoje, para fortalecer principalmente a representatividade e a força do Poder Legislativo no âmbito regional", comentou.

A criação do Parlamento Regional integra um macroprojeto da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional. O objetivo é ampliar o nível de integração regional entre os municípios de Jundiaí, Cabreúva, Campo Limpo Paulista, Itupeva, Jarinu, Louveira e Várzea Paulista, que atualmente formam o Aglomerado Urbano.


Notícias relevantes: