Política

Bolsonaro se encontra com Temer


O presidente Bolsonaro se reuniu com o ex-presidente Michel Temer nesta quinta-feira (9), em Brasília. O encontro no Palácio do Planalto foi para conversar sobre a crise política e a paralisação dos caminhoneiros. Por sugestão de Temer, Bolsonaro fez um manifesto pela pacificação.

Segundo informações da reportagem, o convite partiu de Bolsonaro, que teria até enviado um avião da frota presidencial para buscar Temer em São Paulo. O ex-presidente, que governou o país de maio de 2016 a 31 de dezembro de 2018, chegou à capital federal no final da manhã.

Por volta das 15h30, Bolsonaro continuava reunido com o ex-presidente e o advogado-geral da União, Bruno Bianco. O encontro não havia sido divulgado pelas agenda oficial do Palácio do Planalto. Assessores que acompanharam a reunião afirmam que, na conversa, Temer aconselhou Bolsonaro a publicar um "manifesto de pacificação" para reaproximar os poderes.

Menos de uma hora após o fim do encontro, Bolsonaro divulgou no site do Palácio do Planalto uma "Declaração à Nação", em que diz não ter tido "intenção de agredir" os poderes. Michel Temer confirmou que foi ele quem escreveu o texto.

Durante o encontro, Temer também teria viabilizado um telefonema entre Bolsonaro e Moraes. A conversa foi classificada por testemunhas como "institucional" e "amena".

(Das agências)


Notícias relevantes: