Política

Jundiaí projeta investir R$ 2,4 bi na educação em quatro anos


Divulgação
Jundiaí prevê aumentar os investimentos na educação em quatro anos
Crédito: Divulgação

Jundiaí projeta um investimento de R$ 2,4 bilhões na área da Educação para os próximos quatro anos. A proposta está incluída no Plano Plurianual (PPA) 2022-2025, desenvolvido pela Unidade de Gestão de Governo e Finanças e entregue no fim de agosto na Câmara Municipal, onde será votado até o fim do ano.

Os investimentos serão direcionados ao programa Escola Inovadora, dividido em Educação Infantil (R$ 1,215 bilhão) e Ensino Fundamental (R$ 1,228 bilhão) e preveem avanços como a reforma de escolas, melhorando a ambiência; a implantação de laboratórios móveis de tecnologia em todas as unidades, com tecnologia à disposição das crianças; a implantação de ensino bilíngue para complexos educacionais; o aumento das escolas para tempo integral, chegando a 11, além da criação do Núcleo de Apoio às Tecnologias Educacionais, ajudando os educadores a recorrer a outros equipamentos para dar aula.

"A pandemia trouxe desafios para a educação de nossas crianças e seus reflexos são sentidos, o que nos obriga a investir cada vez mais nessa área e pensar na inserção da tecnologia como ferramenta fundamental no processo de aprendizagem", declara o prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado.

A gestora de Educação, Vastí Ferrari Marques, lembra que, de 2017 a 2020, 35 escolas foram reformadas e revitalizadas. "Claro que a obra e a pintura são muito importantes, mas, sobretudo, o que estamos fazendo é inserir um conceito pedagógico que nos traz a possibilidade de trabalhar com a escuta do aluno, escutar não só o que ele diz, mas também suas expressões. Isso nos permite melhorar o processo educacional de forma assertiva."

"Nossa gestão deu voz às crianças, inclusive instituindo um comitê no qual elas têm poder de decisão. Prova disso é que, para a construção do PPA 2022-2025, os membros do comitê, formado por 24 crianças, também foram ouvidos e puderam dar opiniões sobre quais investimentos esperam para a cidade. Afinal, o PPA é o nosso plano de desenvolvimento e ele tem metas bem definidas para os próximos 4 anos.", explica o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi. (Da redação)


Notícias relevantes: